Resenha - Viver não dói

Autor: Leila Ferreira 
Editora: Principium
Categoria: Crônica
Sinopse: Skoob

Muito Bom!


Olá, tudo bem com vocês ? 

Depois de ler “A arte de ser leve” fiquei muito entusiasmada em ler o segundo livro da autora e ainda bem que o entusiasmo valeu a pena!

Recebi o livro Viver não dói da parceria com a Globo Livros, e comecei a ler o livro com a sensação que estava em um bate papo pessoalmente com a autora, quando terminei a  leitura tive vontade de dar um abraço carinhoso na autora, sabe quando conversamos com alguém que acabamos de conhecer e já temos um carinho imenso? Foi isso que aconteceu comigo, quando terminei a leitura.

Leila escreve de maneira muito simples e leve, o que faz a leitura fluir fácil e agradável e ela começa relatando que viu uma vez em um outdoor em Paris a frase: 

“A felicidade é a soma das pequenas felicidades.”

Para quem pensava que felicidade era eterna ela teve que mudar sua visão de felicidade.
Pág. 19
Na vida real, o que existe é uma felicidade homeopática, distribuída em conta-gotas.
O livro conta crônicas que abordam diferentes assuntos o que me fez pensar que estava em um bate papo descontraído onde os assuntos iam surgindo naturalmente, ela conta também  que cresceu ouvindo frases como “O que os outros vão pensar?” “O que vão dizer?”
E afirma : 
Viver em função da aprovação alheia não é viver, é representar.

Gostei muito da crônica:  "Ser feliz ( e saber)" onde ela fala que "a felicidade chega quando menos se espera, dura menos do que a gente gostaria e vai embora sem dar satisfações."

Devido a isso é muito comum falarmos “Eu era feliz e não sabia”,  quando a felicidade aparece estamos distraídos e muitas vezes quando falamos essa frase de que era feliz e não sabia a gente pode estar sendo feliz e não se dar conta.
"Felicidade não se compra, não se empresta, não se arrenda. A gente é feliz quando consegue, quando a vida permite, quando dá para ser."

Com um jeitinho de mineira, ela se refere as pequenas felicidades como “alegrias modestas”
e diz que sentir cheiro de café recém coado, comer cocada são algumas dessas “alegrias modestas” e mais para a frente percebeu que esses momentos eram de felicidade.

Impossível não se emocionar com o relato da perda de sua mãe que faleceu as 92 anos de idade.
Pág. 213
“O tempo para e meu coração para com ele. Por onde começar a reinventar a vida? O que se faz quando se perde, de uma vez, alguém que era mãe, filha e melhor amiga?”

O livro ainda conta casos bem engraçados e descontraídos como o dia em que dormiu em uma palestra no Sex Shop, uma viagem com uma guia que não parava de falar e um casal que namorava a mais de 50 anos e resolveu se separar.

Impossível também não querer conhecer Serra da Canastra o refúgio para onde a autora vai quando quer se desligar do mundo e curtir a solidão mais próxima da natureza.

E no final do bate papo, ops! No final da leitura depois de risos, emoções e reflexões a Leila nos mostra que são os pequenos momentos que trazem a felicidade e que viver de fato não dói!

Pag. 267
"A vida que não se vive dói. A vida vivida... dói também, mas é bem menos. E sempre vale a pena."
A diagramação e o capricho no livro se vê em cada novo capítulo com capa rosa e nos orienta qual o próximo assunto que será a abordado: 




 E a numeração das páginas ficou na lateral o que achei muito interessante




Beijos 

Até mais !



52 comentários :

  1. Já tinha visto o livro, mas confesso que não tinha me interessado a ler as resenhas. rs
    Li a sua, e a história me surpreendeu, esperava algo totalmente diferente (mas não sei dizer o que... rs)

    Achei interessante a passagem do sexshop! Deve ser engraçado! rs

    Beijos,
    www.livrosqueinspiram.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thaysa

      Eu já tive o prazer de conhecer a autora e ler o outro livro dela que é a "A arte de ser leve" e eu amei o livro então por isso quando soube do lançamento desse fui correndo ler, eu adorei fiquei ainda mais fã da autora.

      Beijos

      Excluir
  2. Oi Andressa! Quando vi um anúncio deste livro tive uma ótima impressão sobre ele e agora fiquei com mais vontade ainda de lê-lo.
    Parabéns pelo blog! Livros e chocolate quente é tudo de bom!
    vestido-de-papel.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sara

      Obrigada flor ... o livro é ótimo vale a pena a leitura :)

      Beijos

      Excluir
  3. Nem imaginava que esse livro era continuação de outro. É lançamento desse ano né?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Izabela

      O livro não é continuação é apenas da mesma autora :)

      Beijos

      Excluir
  4. Nunca tinha ouvido falar do livro, mas adorei a resenha *-*
    Acho que vou dar uma chance :D
    Valeu pela dica

    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Amanda

      O livro é ótimo e vale a pena a leitura!

      Beijos

      Excluir
  5. Acho que vou gostar desse livro, vai para minha lista, gostei da capa também, rsrs. Concordo que a felicidade está nas coisas mais simples e que as vezes passa despercebido, é tipo aquela frase: 'A felicidade é um sentimento simples; você pode encontra-la e deixa-la ir embora por não perceber a sua simplicidade.' Adorei a resenha, bom final de semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sa

      Realmente a felicidade esta nas coisas simples e o livro mostra isso da melhor forma possível em uma bate papo super agradável !

      Beijos

      Excluir
  6. Você apresentou o livro de forma tão próxima que parece ser mesmo um bate papo, uma conversa entre amigas, mas o que citou é verdade, e o livro mostra ser muito bom e reflexivo, amei isso: “Viver em função da aprovação alheia não é viver, é representar.” E como isso é verdade!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiee

      Que bom que consegui passar o que o livro tem mesmo :)

      E concordo que a frase é ótima viver em função de aprovação alheia não traz felicidade rsrs

      Beijos

      Excluir
  7. Aqui como simplesmente pessoa que observa já adorei as fotos do livro, os quotes e principalmente sua resenha que ficou bastante chamativa para fazer o leitor ter uma vontade de devorar esse livro e ser feliz (:
    http://romances-para-te-fazer-feliz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Caroline

      Não sei que quando ler o livro vá se sentir feliz, mas pode ter certeza que ela vai fazer você se lembrar dos momentos que era feliz e como deseja ser feliz depois da leitura :)

      Obrigada

      Beijos

      Excluir
  8. Gostei bastante da resenha pois expressou bem suas impressoes sobre o livro!!!
    "viver nao dói" até o titulo ja nos faz refletir! eu sinceramente prefiro livros como este. Que nos mostram um lado da vida que nao conhecemos nos fazendo refletir sobre nos mesmos.
    seguindo ja!
    bjs

    thereasonwebnovela.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Erika

      Obrigada pela sua visita e fico feliz que tenha gostado da resenha, o livro faz refletir mesmo e isso vale a pena !

      Beijos

      Excluir
  9. primeiro de tudo, as fotos que você tirou do livro me fez achá-lo ainda mais lindo!!!! quanto às crônicas, eu li uma outra resenha sobre a obra e, definitivamente os textos me soam ternos, delicados e ao mesmo tempo marcantes - em um bom sentido da palavra. tenho muita vontade de ler o livro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cammyz

      O livro é lindo mesmo e muito fofo , além de ter um visual agradável ele traz um conteúdo incrível :)

      Beijos

      Excluir
  10. Eu gosto bastante desse estilo de livro, tipo auto ajuda, que a pessoa quando acaba o livro se sente bem mais leve. Achei a diagramação e o designe bem bonito, principalmente os desenhos que tem entre os capítulos e no começo, a capa eu achei que poderia ter ficado melhor, mas ficou bem legal.
    Muito linda a frase do livro “A felicidade é a soma das pequenas felicidades.”

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Poison

      O livro é maravilhoso e a leitura já é uma felicidade :)

      Beijos

      Excluir
  11. Não conhecia esse livro.
    Achei a diagramação bem fofinha.

    Se tiver uma oportunidade o lerei, ;)

    Bjo!

    Visita o meu cantinho e se puder segue, =D
    http://meuhobbyliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gladys

      A diagramação é fofa mesmo :)

      Beijos

      Excluir
  12. Oi Dre, tudo bem?

    O livro tem uma diagramação linda, hein?! Por mais que eu tenha livros caprichados, acho que nenhum é colorido e isso me chamou super a atenção! Gosto quando os livros nos deixam bem próximos do autor. Parece que somos mesmo amigos íntimos, né?! =)

    beijos
    Kel
    porumaboaleitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kel

      Nossa realmente a capa é linda e me senti amiga intima da autora rsrs isso é muito bom!

      Beijos

      Excluir
  13. Amei a formatação do blog e curti bastante porque é um livro de crônicas. Mesmo não tendo costume de ler livros assim, eu curto muito porque parece que o autor fala diretamente ao leitor.
    Beijos
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Line

      Então eu também não tenho costume de ler livro de crônicas mas amei e super recomendo!

      Beijos

      Excluir
  14. Adorei seu blog, e amei essa resenha. Me deu muita vontade de ler o livro e "bater um papo" com a autora tb.
    Vou colocar na minha lista.
    Bjs
    http://livroseprosas.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bel

      Obrigada pela visita , quando bater um papo com a autora me conte o que achou :D rsrs

      Beijos

      Excluir
  15. A capa, as páginas do livro, a sinopse... tudo me chamou muito a atenção nesse livro. Espero que essa 'boa impressão' não se esvaia se algum dia eu tiver a oportunidade de lê-lo :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Michelle

      Creio que a leitura é muito rica e gostosa não teria como não gostar, mas quando ler quero saber o que achou :)

      Beijos

      Excluir
  16. Uau. “Viver em função da aprovação alheia não é viver, é representar.” Palavras mais verdadeiras jamais foram ditas. Eu costumava me preocupar demais com a opinião alheia e por vezes deixava de fazer o que eu gostava ou queria por isso, e isso não traz felicidade alguma, só gera frustração.
    Confesso que o livro me pareceu ser um daqueles autoajuda chatos e eu não consigo ler livros de autoajuda, e talvez por esse motivo não me interessaria pela obra. Mas ele parece ser recheado de lições valiosas e isso vale super a pena. As vezes faz bem dar um up na autoestima.
    E a diagramação desse livro é sensacional.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rita

      O livro é ótimo e acho que não se enquadraria na categoria de "Auto Ajuda" pois a autora não dá conselhos e sim conta a visão dela para determinados assuntos mas qualquer forma que faz todo mundo parar e pensar sobre o que esta fazendo.

      A leitura é super indicada!

      Beijos

      Excluir
  17. Nahim...que livrinho mais fofo! Adorei a resenha e acredito que iria gostar muito deste livro. Ainda não li nada da autora, mas quero muito, gosto de leituras leves que parecem um bate-papo. A diagramação realmente ficou lindinha demais. Os livros da Bella Andre também tem a numeração do lado da página.^^
    Beijos!
    Paloma Viricio-Jornalismo na Alma.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Paloma

      O livro é fofo, que bom que gostou da resenha e super indico a leitura!

      Nunca li nada da Bella Andre mas achei muito legal a numeração ser na lateral :)

      Beijos

      Excluir
  18. Oie,
    não conhecia o livro e confesso que a capinha não me chamou atenção, mas gostei da resenha. O livro parece ser bom e gostoso de ler.

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vanessa

      Que bom pelo menos a resenha lhe agradou, o livro é diferente por ser crônica mas vale muita a pena ler, se puder dar uma chance acho que iria gostar !

      Beijos

      Excluir
  19. Que livro lindo! Já me despertou pela capa linda e título instigante. Adoro essas observações sobre momentos felizes. Porque a maioria fica buscando a felicidade, como se encontrando passasse a viver sem problemas no paraíso, rs. O que constrói uma vida feliz são os momentos gostosos de que vamos lembrar, as pessoas maravilhosas que encontraremos pelo caminho e uma certeza interior de que é tb questão de aceitar, de querer viver da melhor forma.
    Ela é mineira, tenho uma grande admiração por tudo que se refere a Minas: música, comidas, cultura, paisagens e o jeito mineirinho de ser.
    Amei, já nos meus desejados.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Manu

      Concordo com você e também acho que muitas pessoas ficam em busca da felicidade em tempo integral e esquece de aproveitar os pequenos momentos que são o que de fato fazem a gente feliz , afinal não existe felicidade integral!

      Também adoro Minas rsrs

      Beijos

      Excluir
  20. Parece uma fofura o livro. Não conhecia!

    beijos
    Bia -www.livredujour.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiee

      O livro é fofo mesmo, vale a pena conhecer!

      Beijos

      Excluir
  21. Oi Andressa,
    Adoro essa sensação que descreveu, quando parece que estamos batendo papo com a autora e como se logo no principio temos a sensação de carinho intenso, é como se o santo batesse, e vc considera essa pessoa especial!!
    É dificil uma leitura nos proporcionar isto, eu não conheco a autora e nem o livro..
    Mais eu adorei a dica e já está anotado!!

    Beijos Mila
    http://dailyofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Camila

      È muito bom quando batemos um papo com o autor não é mesmo ?

      Eu adorei o livro e recomendo muito!

      Beijos

      Excluir
  22. Achei lindo esse livro, apesar de nao ler cronicas, a globo livros arrasou na diagramação do livro, chama bastante a atenção e da vontade de ler!
    bjkas
    Dani Casquet- Livros, a Janela da Imaginação

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Dani

      Amei o livro e realmente a driagramação está linda!

      Beijos

      Excluir
  23. O livro parece ser bem interessante eu nunca tinha ouvido falar dele e nem do primeiro, mas adorei conhecer, a diagramação dele foi o que mais me chamou a atenção, muito linda mesmo.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Camila

      Além de serem lindos tem um conteúdo muito bom eu amei e se tornaram meus preferidos!

      Beijos

      Excluir
  24. Não conhecia esse livro! Mas parece ser bem interessante pela sua resenha (mais uma super bem feita!).
    Gostei demais da frase: “Viver em função da aprovação alheia não é viver, é representar.” Eu, quando mais nova, costumava me preocupar com o que as pessoas iriam pensar de determinada coisa com relação a mim, mas mudei e muito esse meu pensamento - portanto, super concordo com a frase!
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tatiane

      Eu amei o livro e obrigada, realmente essa frase diz muita coisa, quando somos mais jovens ficamos querendo sempre mais a aprovação dos outros do que a nossa né, ainda bem que depois de um tempo isso passa rsrs

      Beijos

      Excluir
  25. Bom o que dizer adoro livros que nos da uma sensação de conversa pois parece que a leitura flui muito mais, fiquei curiosa com o livro, e realmente a diagramação e linda de mais! E por ultimo parabéns pela resenha maravilhosa!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Alinne

      Que bom que gosta de livros assim também, vale a pena a leitura quando tiver oportunidade de ler faça isso que vai gostar com certeza!

      Beijos

      Excluir
  26. Nunca ouvi falar desse livro. Porém a resenha despertou um interesse em mim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Duda

      O livro é muito gostoso de ler e recomendo a leitura!

      Beijos

      Excluir