Resenha - Os Três


Os Três 
Autor: Sarah Lotz 
Editora: Arqueiro
Gênero: Suspense / Terror
Páginas: 393
Sinopse: Skoob

Avaliação:

Olá, tudo bem com você? 

Bom venho pela primeira vez falar de um livro que me irritou do começo ao fim, e olha que acreditei que poderia mudar de opinião quando chegasse no final do livro, mas infelizmente o final foi pior do que eu esperava e ai venho a decepção :(

Mas primeiro vamos falar da parte boa que é o livro em si, a capa dele e as folhas são diferentes e realmente chamam a atenção: 


Dentro do livro vem uma folha de jornal velha e rasgada com a notícia do acidente de quatro aviões que cai em quatro lugares diferentes do mundo mas praticamente no mesmo horário e apenas sobrevivem três crianças, e isso dá veracidade aos fatos.



As cinco primeiras páginas conta minutos antes de um dos aviões cair, é narrada em terceira pessoa, mas na visão de uma passageira chamada Pamela May Donald. ela estava viajando para o Japão e ela era uma pessoa muito religiosa e frequentava uma igreja evangélica chamada "Condado de Sannah" onde era ministrada pelo pastor Len ao qual ela fala antes de morrer e deixa um recado. 

Porém logo depois da narração em terceira pessoa falando do começo do acidente, somos apresentados ao livro da escritora Elspeth Martins:



Esse livro " Quinta-Feira Negra - Da Queda á Conspiração"  é cheio de fatos que investigam tudo sobre a Quinta Feira 12 de Janeiro de 2012 onde cai quatro aviões praticamente ao mesmo tempo em lugares diferentes do mundo e que apesar de ter mais de mil pessoas mortas, sobrevivem três crianças de cada avião que cai. 

As crianças que sobrevivem são Bobby, Jess e Hiro todas as crianças tem cerca de seis anos e saem praticamente ilesas do acidente, porém todas elas perderam os pais e irmãos.

Quem cuida de Bobby agora que ele ficou órfão é sua avó Lilian e o avô Reuben que sofre a vários anos do mal de Alzaheimer. 

Jess fica com seu tio Paul , um ator não muito famoso, que é gay e tem problemas com bebidas alcoólicas.

Hiro é um menino calado que apesar de ter os tios presente em sua vida, quem cuida mais dele é a prima Chyoko. 

Então o livro aborda a vida dessas três pessoas Lilian, Paul e Chyoko antes do acidente do avião e depois do acidente do avião, ao mesmo tempo que também aborda o pastor Len da igreja que Pamela May Donald frequentava, e para quem ela deixa uma mensagem gravada no celular.

Página 17
Eles estão aqui . Eu ... Não deixe a Snookie comer chocolate, é veneno para os cachorros, ela vai implorar a você... O menino. O menino, vigiem o menino, vigiem as pessoas mortas, ah, meu Deus, elas são tantas... Estão vindo me pegar agora. Vamos todos embora logo. Todos nós. Tchau, Joanie , adorei a bolsa, tchau, Joanie, pastor Len, avise a eles que o menino, não é para ele....

Como ela menciona o nome do pastor da igreja em que frequentava, ele utiliza desse meio para espalhar sua mensagem de que o fim do mundo esta chegando e usa dessa mensagem para viajar todo o mundo e falar sobre sua teoria que se baseia na bíblia e faz com que muitos acreditem em um apocalipse se aproximando e só quem aceitar Jesus será aceito no mundo, quem não aceitar estará perdido.

O que torna a leitura cansativa não é nem a forma diferente que a autora aborda o tema, nem a forma investigativa dos fatos narrados e sim o rodeio que ela dá a vários personagens secundários como uma amiga de quem convive com o Pastor Len ou quem conhecia a Pamela e isso deixa o assunto muito repetitivo e demora muito para chegar na convivência das crianças que sobreviveram ao acidente.

Página 140
Um monte de Urubus também queria ver a casa de Pamela e o pastor Len tentava convencer Jim a cobrar entrada para que ele pudesse usar o dinheiro para "levar a mensagem mais longe".

Deram muita ênfase para o tanto que o pastor estava ganhando com a publicidade de sua igreja, em teorias que não levavam a lugar nenhum, alguns acreditavam que as crianças vivas era um sinal de Deus e um alerta de que o mundo estava acabando, e também teve teorias de Et's e as crianças tinham sido abduzidas e  que estavam fazendo um teste com as crianças que sobreviveram.

Para você ver até um programa de rádio entrevistando o tal pastor Len é colocado no livro de investigação.

Página 156
Bom, vamos direto ao ponto. Algumas pessoas podem achar que sua crença de que aquelas crianças são os cavaleiros do Apocalipse é - e não encontro modo dizer - uma merda absurda.

Então depois de rodar mais da metade do livro em assuntos que o mundo todo esta tentando descobrir se é verdade que as crianças são provas de Deus ou foram abduzidas ,a narrativa chega na vida das crianças depois que voltaram a morar com seus parentes.

Bobby volta totalmente diferente do que era e por algum motivo seu avô que tinha mal de Alzheimer começa a ter uma vida normal, o tio  de Jess começa a sentir cheiro de peixe podre pela casa e a ter muitos pesadelos e o menino Hiro só consegue falar através de um robô.

As coisas não voltaram a ser como antes, pois todas as crianças não sentem a falta dos pais, e agem como se nada tivesse acontecido.

Li até o final achando que iria me surpreender para algo novo mas infelizmente a autora viajou na maionese ao escrever o final do livro, achei sem lógica nenhuma até porque a autora que escreveu esse livro investigativo some depois de publicar então como se explica o final do livro se ela some?

Então é isso fiquei com raiva desse final mal explicado e com certeza não é um livro que me surpreendeu positivamente, mas vale a você querer ler ou não.

Por ser um livro de suspense e terror eu não fiquei curiosa com o decorrer da história e também não senti medo das crianças e olha que odeio terror pois tenho medo de qualquer coisa.

Talvez alguns fãs do livro digam que a vida dessas três pessoas mudaram de alguma forma quando as crianças voltaram a viver com eles mas com esse final, de nada valeu e não entendi que aprendizado tirar disso tudo.

Beijos

Até mais...




23 comentários :

  1. Nossa.
    Eu estava aqui toda empolgada achando que o livro era um suspense legal :(
    Mesmo assim estou curiosa para saber o final, rs. Pelo menos, com a sua resenha, não vou me decepcionar ao ler o livro, né?
    Beijos <3

    http://livros-cores.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. a sinopse me instiga muito e adoro livros de capa preta, mas acho q nãoleria mesmo pq nao faz meu estilo sabe.
    pena q nao foi um leitura muito legal pra vc.

    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  3. Não vejo a hora de ler esse livro é sempre positivo o que vejo sobre ele

    BeijoO0 ;)
    blog Livros com café

    ResponderExcluir
  4. Mesmo com a resenha fiquei com vontade saber o final, e de formar minha opinião sobre ele. Ao menos, vou ler sem nenhuma expectativa de ser surpreendida ou de tomar algum susto.

    Beijo :*

    ResponderExcluir
  5. Eu não consegui de maneira nenhuma gostar de alguma coisa nesse livro. Faltou aquilo que eu chamo de atração entre o livro e o leitor, eu não senti isso. Não consegui me interessar por nada.

    ResponderExcluir
  6. A opinião sobre esse livro está bem dividida, alguns gostaram outros não, eu cheguei a uma conclusão : Eu tenho que ler o livro e tirar minhas próprias conclusões "/

    ResponderExcluir
  7. Oi Andressa :)

    Eu estou com tanto medo de comprar esse livro e me decepcionar e, ao mesmo tempo, de não comprar e perder uma grande história. O motivo? Já li cerca de quinze resenhas desse livro e percebi que o pessoal está dividido em relação a ele, alguns amam, outros odeiam. Beijos!

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Nossa eu espera a q o livro fosse mais legal
    O que me fez perder um pouco a vontade de ler eh q odeio fins sem logica. O legal eh ver a genialidade do autor e a criatividade pra fechar toda a historia de forma a se encaixar perfeitamente
    Esse foi o motivo de eu ter me decepcionado mto com Desventuras em serie.
    Mas mesmo assim tenho vontade de ler pra saber o q eu vou achar
    Bjs

    ResponderExcluir
  9. Oi Andressa, tudo bem???
    Menina que receio que você me deixou com a resenha... essa é a quarta resenha que leio e a primeira não satisfatória... eu amo a diagramação desse livro e ainda pretendo lê-lo algum dia.... quero tirar as minhas próprias conclusões do que ele é apresentado... Xero!!!

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Esse livro está se tornando bem polêmico.
    Existem comentários positivos sobre ele e outros nem tanto.
    Tenho vontade de ler só para dar uma conferida.

    ResponderExcluir
  11. Eu li o livro e confesso que gostei, a única coisa que me desagradou foi o final, achei que ela poderia ter deixado em aberto, aquela conclusão dela foi muito fantasiosa, não combinou com o resto da trama.

    memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Oi Dre!
    Dessa vez nos discordamos bastante rs.
    Primeiramente, acho que incluir esse livro no gênero de terror é errado, tá muito mais voltado pra um suspense/investigação.
    As voltas da narrativa que você achou chatas, eu achei super necessárias, pois se tratando de um livro de uma jornalista, é mais do que lógico expor todos fatos que ela conseguiu relacionar, e utilizar todas as fontes, né?
    Eu achei o final bacana, não foi um dos melhores da vida, mas eu curti.

    ResponderExcluir
  13. Oi, tudo bem?
    Li este livro e eu até gostei da forma como a autora resolveu narrá-lo, mas o final é realmente deprimente e não correspondeu minhas expectativas.
    Sua resenha ficou ótima! :D

    Beijos,
    Rafa Mello-Eu + Livros
    www.eumaislivros.com.br

    ResponderExcluir
  14. Eu tinha uma visão totalmente diferente desse livro antes da sua resenha. Eu já sabia que ele tinha a ver com a queda dos aviões, mas eu achei que ficava basicamente nisso, que era envolto nesse mistério.

    ResponderExcluir
  15. Nunca li um livro de terror '-' mas me aventuraria fácil nesse livro Os Três,adoro um suspense hehehe e pela sua resenha parece que esse livro é rico nesse quesito neh?
    Adorei a resenha e ótima dica \o/
    Beijosss Andressa
    http://fomevontadeler.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  16. Nossa! Que confusão! Não gostei não.
    O livro parece não ter nada vê com nada, com vários "fios soltos", passagens sem fundamento, parece ser um livro que o autor teve várias ideias e tacou lá tudo junto sem lógica e seja o que Deus quiser.
    Definitivamente não lerei esse livro.

    Bjo

    ResponderExcluir
  17. Esse é um livro que eu tinha muita vontade de ler, mas depois de ler várias resenhas sobre ele, minha vontade com certeza diminuiu... Parece que a autora teve uma ótima ideia, mas não soube desenvolvê-la muito bem, deixando a leitura muito cansativa. E o final também me deixou preocupada, pois não curto muito finais e aberto. Mas mesmo assim pretendo lê-lo, porém sem grandes expectativas.

    Beijos!!

    ResponderExcluir
  18. Eu li esse livro e a impressão que eu tive é que a autora tinha um diamante nas mãos e não soube como moldar. A história narrada através de depoimentos foi um ponto muito crítico da leitura, pois não havia imparcialidade e você não sabe exatamente o que aconteceu, já que o que você tem é as impressões das pessoas envolvidas direta e indiretamente com as crianças. Ou seja, é tudo muito subjetivo. A leitura de vários depoimentos cansa, pois a história acaba se arrastando e sinceramente, no final do livro eu tinha vontade de fazer uma fogueira com ele. Não recomendo pra ninguém.

    ResponderExcluir
  19. Apesar da nota baixa eu ainda assim quero ler o livro e tirar minhas próprias conclusões do livro. Espero gostar.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Que pena que esse livro não te cativou tanto. Eu estou louca pra ler ele, talvez em parte até mesmo pelo fato de ser escrito de forma diferente. Quero muito mesmo ler o livro.

    Bjok

    ResponderExcluir
  21. Oi Andressa.
    Tenho muita vontade de ler Os Três. Essa foi a primeira resenha negativa que li sobre ele, então agora fiquei um pouco receosa. Mas, ainda estou bastante curiosa para conhecer a história, então vou ler o livro sim.
    Também achei a capa e as folhas pretas bem bonitas. Gostei do Jornal com as notícias das quedas dos aviões, realmente dá autenticidade rs

    ResponderExcluir
  22. Eu sou doido pra ler esse livro, adorei a capa e a sinopse me atraiu muito, adoro livro de suspense e terror, apesar da resenha negativa eu quero muito ler e poder tirar minhas conclusoes, uma pena que nao tenha te agradado, vi em outros blogs falando bem do livro. =/

    ResponderExcluir
  23. Oi Dressa, tudo bom?
    Eu confio bastante na suas resenhas porque temos gostos literários bem parecidos. Eu estava mega empolgada para ler esse livro, mas perdi todo o interesse. Conheço algumas pessoas que também não curtiram a forma que a autora conduziu a história. É um livro que eu pretendo ler um dia, mas deixou de ser uma prioridade.
    Beijos!
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir