Resenha - Usain Bolt


Usain Bolt - Mais Rápido Que Um Raio
Autor: Matt Allen
Editora: Planeta
Gênero: Biografia
Páginas: 287
Sinopse:  Skoob

Classificação:


Olá,, tudo bem com você?

Para quem ainda não sabe eu amo correr, participo de maratonas e sempre admirei muito o trabalho do Usain Bolt o homem considerado o mais rápido do planeta, juntando ao fato que amo ler biografia não teria como não ler esse livro :)

Sei que muitos não gostam de ler biografia porque acaba se tornando um pouco cansativo, mas devo dizer que o autor Matt Allen escreveu a biografia em primeira pessoa e isso fez o livro ficar muito mais interessante e rápido de se ler.

Para quem não sabe nada de corrida existe algumas modalidades de distância:  100 metros, 200 metros e até 400 metros, por Usain ser muito alto com cerca de 1,80 de altura seria mais comum ele fazer 400 metros pois as pernas são longas o que ajudaria na distância, porém ele nunca gostou muito de correr os 400 metros e sempre optou por correr distância menores, ele simplesmente ganhou a olimpiada correndo os 100 metros em menos de 10 segundos, você tem noção do que consegue fazer em 10 segundos?  Nem eu sabia o que dá para fazer em tão pouco tempo, mas Usain Bolt sabe muito bem como aproveitar cada segundo.



Página 13
Deus estava do meu lado tinha me colocado nesta terra para correr - e mais rápido do que qualquer outro atleta de todos os tempos

Usain Bolt sempre gostou de fazer esportes mas gostava muito de jogar críquete porém esse esporte era muito fechado na Jamaica só entrava quem tinha conhecidos então os professores de Bolt resolveram colocar ele na corrida já que tinha um bom tempo.

Página 38
A escola notava que eu tinha talento para valer. Chegou a um ponto em que estava correndo tão rápido no treino que os treinadores não queriam me dizer meus tempos. Não queriam que eu ficasse convencido.
Usain Bolt sempre morou com seus pais, ele tinha irmãos mas somente por parte de pai, seus pais sempre foram trabalhadores e eles sempre moraram na Jamaica.

Nunca passou fome pois a terra sempre lhe deu o alimento que era necessário, Bolt nunca gostou de acordar cedo para treinar, sempre gostava de dormir até mais tarde, até descobrir um problema na coluna que para não influenciar nas corridas ele teria que fazer treinamentos de manhã.

Bolt começou depois de muito custo a treinar de manhã, as vezes dava um perdido e não ia aos treinos, principalmente quando rolava festas depois das corridas.

Uma vez Bolt saiu de uma dessas festas e acabou batendo o carro, ele estava em alta velocidade o carro não sobrou nada e felizmente ele saiu ileso, apenas com alguns espinhos no pé.

Bolt sempre foi preocupado com sua imagem , apesar de sempre gostar de comer besteiras ele evitava ser fotografado indo em algum fast food, muito menos consumindo bebidas alcoólicas, o seu treinador ficava furioso quando issoa acontecia e os patrocinadores também não aprovavam esse tipo de atitude.

Com a fama venho as garotas e ele podia ficar com quem quisesse era só escolher a mais bonita, ele nunca pensou em se casar cedo e ficava abismado quando encontrava outros atletas da sua idade que já tinham casado.

Página 189
"Você acabou de ficar rico, acabou de ficar superfamoso e acabou de se casar? Como assim? É agora que a diversão deveria começar! 
Bolt conta todos os detalhes de sua carreira como corredor, seus adversários, seus recordes em todas as corridas e também todos os momentos ruins que acabou passando, os treinos doloridos e incansavéis ao qual teve que fazer muitas vezes.

Esse livro é de leitura super rápida , agrada quem começa a ler porque a leitura não se torna cansativa em nenhum momento, as páginas são amareladas e a letra de bom tamanho, contém fotos de toda a carreira de Bolt  e a única coisa que não gostei é que as fotos começam no meio do capítulo tendo que terminar o capitulo e depois voltar para as imagens, mas com toda a certeza a história de Bolt passa uma mensagem super positiva.

Bolt sempre confiou em si mesmo e sempre se manteve humilde e educado com todos por isso esta onde merece.

Eu como fã dele, amei saber um pouco mais de toda a história dessa lenda :)

Ele sempre costuma sair nas fatos fazendo essa pose abaixo, e no livro explica que no começo da carreira dele como corredor era uma dança jamaicana mas depois virou sua marca e representa o raio pois ele corre mais rápido que um raio.

 

Como ele é da Jamaica e esse é o quinto livro lido na maratona literária #eusoudoidera  escolhi uma música do rei da Jamaica para representar esse livro "Bob Marley".


Beijos 

Até mais...


20 comentários :

  1. Oii Andressa, que legal! Eu também adoro correr, pena que não tenho uma parceira, e não gosto de ir sozinha!
    Adorei tua resenha, já havia lido algumas coisas sobre o livro. O que mais gosto nele é o que você disse, ele nunca perdeu a humildade, todas as entrevistas, autógrafos, acho ele d+.
    E como corre. JESUS!

    o Blog está com um sorteio super legal, participa lá:
    http://traduzindo-sonhos.blogspot.com.br/2014/06/sorteio-de-um-kindle-e-books-de-nao.html

    ResponderExcluir
  2. Ei Dressa,
    eu definitivamente faço parte do grupo que detesta biografias, rs. Já tentei ler várias, e nunca deu muito certo. Mas achei legal o formato dessa. Ser em primeira pessoa deve ter dado uma carinha toda especial ao livro, rs.
    Que bom que você gostou, ainda mais por ser sobre alguém que você admira.

    beijos
    meumundinhoficticio.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Eu gosto de ler algumas biografias.
    Até que essa parece ser interessante. Para quem gosta de correr, realmente vái curtir. :)

    ResponderExcluir
  4. Eu ja faço parte do grupo que gostam bastante de uma boa biografia. Eu sou meio por fora de esportes, então não tenho tanta familiaridade com Bolt. Mas acho que é alguem que valeria a pena conhecer.

    ResponderExcluir
  5. O que eu mais gosto no Bolt é a irreverencia dele. Acho ele demais. Eu adoro biografias, mas o gênero que menos tenho lido =(

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  6. Não sou a maior fã de biografias mas já li algumas e, confesso que, gostei. rsrsrs
    Esse parece bem interessante! É até ilustrado! :)
    Meu noivo comentou sobre participarmos da corrida de reis, quem sabe eu leio e me animo para correr? :D

    ResponderExcluir
  7. Biografia em primeira pessoa é interessante e adorei a música que você escolheu, beijos

    ResponderExcluir
  8. Oi Dressa, tudo bom?
    A música escolhida combinou muito com o Bolt. Eu gosto de biografias também e quero ler essa em breve. Acho bacana saber um pouco mais sobre a história de vida de personagens do esporte. O atletismo envolve muito empenho e ele é extremamente talentoso.
    Beijos!
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi Andressa.
    Não gosto muito de biografias, mas essa de Usain Bolt parece ser bem interessante.
    Nossa, ele realmente é rápido. 100 m em 10 segundos? Ele realmente é um ótimo atleta.

    ResponderExcluir
  10. Eu também não sou muito fã de biografias, mas essa do Bolt parece ser interessante por dois motivos: Primeiro porque ele é uma pessoa que parece ser super humilde, então vale a pena conhecer e segundo, porque pelo fato de ser narrada em primeira pessoa, parece realmente ser uma leitura super tranquila.

    Bjok

    ResponderExcluir
  11. Oi Dressa bem interessante essa biografia. Nossa como queria ter mais força de vontade para correr! Completar uma maratona né!
    Eu não curto biografia mas gosto de ler resenhas delas adorei!
    bjkas

    ResponderExcluir
  12. Da hora! Só não gostei qdo ele fala que não aprovava o amigos ricos e famosos q casavam...kkkk

    ResponderExcluir
  13. Apesar deste livro parecer ser bom eu não gosto muito de biografias.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Sou muito preguiçosa para fazer atividade física, os quilos extras que a balança aponta que o diga kkkk... também não sou muito fã de biografias, como vc disse, me parece ser uma leitura cansativa, porém pelo que vc disse em ser escrito na 1ª pessoa torna o livro diferente e fiquei com a impressão que a leitura é mais "gostosa". Não conheço esse atleta, como eu disse, esporte não é meu forte.

    Esta se tornando repetitivo, mas mais uma vez gostei da resenha.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  15. Taí duas coisas que eu não gosto: correr e biografias... rsrs
    Não conhecia o atleta, mas ele parece ser muito humilde mesmo e merecedor do sucesso que tem. Achei muito interessante o fato de ser narrado em primeira pessoa. Adoro essa música do Bob Marley, combinou muito com o livro.

    Beijos!!

    ResponderExcluir
  16. Eu só leio biografias de pessoas que eu realmente admiro por terem revolucionado o mundo.
    Ex: Steve Jobs; Mandela
    Biografias de atletas normalmente não me chama a atenção, por isso, vou passar. Por mais humilde, guerreiro e merecedor que ele seja, preciso saber que ele tem algo na história de vida dele que me traga algum ensinamento. Acho que o único atleta que eu leria uma biografia seria o Ayrton Senna...

    ResponderExcluir
  17. Nao sou muito de correr, teve uma época que eu comecei a correr, mas eu parei por falta de tempo, espero voltar logo a praticar caminhada e uma corridinha...
    mas biografia não é comigo mesmo, não gosto... =/

    ResponderExcluir
  18. Não curto muito biografia. Acho que a única coisa mais parecida com biografia que eu li foi um especial da turma da mônica sobre o Maurício de sousa. kkk Minha turminha predileta !

    Beijos.

    ResponderExcluir
  19. Eu não sou muito de ler biografias então não me interessei pelo livro. Mas conheço o atleta e o admiro muito.

    ResponderExcluir
  20. Não curto biografias, por esse motivo o livro não chamou minha atenção "/

    ResponderExcluir