Resenha - Man Repeller

Man Repeller
 
Man Repeller 
Autora: Leandra Medine
Editora: Novo Conceito
Gênero: Literatura Estrangeira / Chick - Lit
Páginas: 256
Sinopse: Skoob
Avaliação:


Oi gente, tudo bem?

Eu adoro "chick-li", então fiquei super animada para ler Man Repeller, livro escrito pela blogueira norte-americana Leandra Medine.

O livro conta a história da própria autora, em primeira pessoa e como as peças de roupa foram importantes em determinados momentos de sua vida.

Acompanhamos cada fase da autora, desde a infância até o seu casamento. Leandra conta de forma divertida algumas passagens da sua vida como o primeiro amor, a escola, a faculdade, o primeiro emprego, a primeira vez, o casamento e como a moda estava intimamente ligada a estes momentos especiais.

Depois de ter o coração partido diversas vezes pelo namorado e não emplacar novos romances, a autora e sua amiga chegaram à conclusão que a forma de se vestir acabava espantando os homens. Sabe aquela peça de roupa que a gente ama, acha que ficou lindo e super na moda mas que, em geral, os homens não gostam? Pois é, Leandra tinha um guarda-roupas cheio delas e não se importava em fazer diversas combinações loucas que para ela funcionavam, mas afastavam os homens. Por isso o nome do livro (e nome do blog) Man Repeller, ou Repelente de Homem.

O livro tem passagens engraçadas, a autora realmente tem o dom de escrever de forma leve e divertida. Situações do dia a dia, as vezes até um pouco tensas (como a primeira menstruação) são contadas de forma que nos arranca alguns risos.

Foi ótimo viajar com a autora para Paris e acompanhar um pouco do seu estágio no mundo da moda, gostei de conhecer um pouco de sua vida. Mas, preciso confessar que, apesar disso, o livro não me conquistou.

Eu normalmente leio bem rápido, principalmente livros mais leves como Man Repeller. Muitas vezes acabo no mesmo dia a leitura e já parto para o próximo. Percebi que não me conectei com o livro quando ele já estava passeando pela minha mesinha de cabeceira há mais de uma semana, a leitura simplesmente não rendia!

Talvez seja pelo fato de eu não me interessar muito por moda, na verdade eu sou bem básica. Quando ela começava a descrever em detalhes as peças de roupa me desanimava em levar a leitura para frente, além de não acreditar como tal combinação poderia ficar boa (rsss.Acho que ficava, né! Eu não entendo nada de moda).

Queria saber mais sobre o estágio ou sobre a viagem à Paris, mas o centro do texto acabava em alguma peça de roupa e nada mais era mencionado para acabar com a minha curiosidade.

Claro que era de se esperar, logo na capa encontramos a frase "a divertida moda que espanta homens", então eu já sabia que o foco seria a moda e acabei me divertindo um pouco com as passagens do dia a dia da autora, o que rendeu, para mim, as três xícaras de chocolate quente.

Indico para quem gosta de moda e de livros leves! Quem não entende muito de moda (como eu) vai se divertir com as passagens engraçadas da vida da autora, mas prepare-se para perder um pouco a paciência em meio a diferentes tipos e modelos de saias, vestidos, botas, coletes, sapatos, bolsas, calças e todas as formas de combinação!

Quem já leu, me conta se gostou!

Com carinho,





27 comentários :

  1. Não gosto tanto de moda assim, então também vou perder a paciência com o livro focar nisso.
    Mas talvez eu dê uma chance pelo divertimento.
    A resenha está ótima! Bjs, Mari <3

    ResponderExcluir
  2. Oi, Mari, tudo bem?
    Já li resenhas desse livro e já o vi na promoção várias vezes, mas confesso que ele não chama minha atenção. Esses dias fui em um saldão da saraiva e se eu levasse três livros eu conseguiria 40% de desconto no valor total, acabei trazendo só um livro pra casa e não comprei Man Repeller, pois achei que não valia a pena.
    Super beijos <3
    http://livros-cores.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi Mari!
    A capa do livro me lembrou bastante os livros da Sophie Kinsella aqui no brasil, bem chick-list mesmo... Pensei que o conteúdo ia um pouco além da moda... Mais acho que as passagens divertidas devem suprir isso...
    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Mari! Eu literalmente sou uma zero a esquerda com moda hahaha eu simplesmente abro o roupeiro e visto o que tem na frente! Estou me decepcionando com a maioria dos chic lits que ando lendo =/ acho que não me aventuraria com esta leitura por enquanto =/

    Beijos Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
  5. Oi Mari!
    Já li várias resenhas sobre esse livro e nunca consegui me interessar por ele. Não sei, não me chama a atenção.
    E assim como você, também me interesso e nem entendo muito de moda. Talvez seja esse o motivo de não me interessar pelo livro..rs
    Beijos

    Li
    literalizandosonhos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Nossa, fiquei espantada com a classificação de xícaras. Sempre ouvi bem sobre esse chick lit. Não curti tanto por que é uma biografia praticamente... mas eu gosto de saber sobre quebra de corações e também despejos de ex namorados, não que seja algo legal para quem sofre. Mas gosto de ver a pessoa se erguendo novamente. Vi que ela foi para Paris, e também tem bastante humor. Também não curto muito coisas de moda a etc. Não curti tanto essa parte, mas eu gosto de rir com lits, então queria ler.
    Abraços Mari,
    ThayQ.

    ResponderExcluir
  7. Poxa parece ser muito interessante, o tipo de livro que a maioria das mulheres gostam de ler né? rsrsrs, eu vi ele na livraria Cultura em Salvador. Beijos

    http://www.angelimcosmeticos.com.br/

    ResponderExcluir
  8. A capa já me deixou curiosa.
    A sinopse mais ainda,ai vem você com sua resenha ótima e me deixa com mais vontade de ler ainda!
    Estou aqui com uma lista de livros para ler, e esse já entrou pra lista.
    Abraços
    Bruna do blog: Cantinho da Bruna -
    @blogcantinhoBL



    ResponderExcluir
  9. Imagino que esse detalhe da moda também não ia me prender. Acho que ainda tenho até roupa de criança no armário, mas ir às compras é sempre um sufoco kk mas ainda assim, a história parece ser realmente bem leve e divertida, boa pra passar o tempo.

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br
    Tem resenha nova no blog de "O Desafio de Ferro", vem conferir!

    ResponderExcluir
  10. Que divertido entrar na própria vida da autora, conhecendo muito mais ela.

    ResponderExcluir
  11. Confesso que não tenho paciência com moda, mas esse daí me chamou atenção por falar de como ela era "rejeitada" pelos homens por causa da roupa.. Certeza que vou demorar umas duas semanas, por falar de moda, mas irei tentar.

    Blog

    ResponderExcluir
  12. Oi, Mari.

    Não sou muito ligada em moda também, então acho que deixarei esse livro passar. Os Chick-Lit também não são meus fortes. Juntou tudo. kkkkk' Um livro que não faz meu tipo.

    Paradise Books BR

    Beijos.

    ResponderExcluir
  13. Oi Mari..
    Esse foi o último livro que li recentemente. Também confesso que não curto muito assuntos de modas, e como você fiquei meio perdida, digamos assim, nas partes que ela citava as peças de roupas...não estava entendo nada..rs
    Mas também ri em várias passagens, e acho que isso que fez a leitura valer a pena. Leandra realmente tem tem uma narrativa leve.
    Eu até procurei o blog depois porque fiquei curiosa..rs

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Oi Mari

    Não sou muito fã de chick-li, confesso, nem de moda e muito menos entendo do assunto, portando esse livro não me interessou nem um pouco, se eu começasse ler um livro desse, nem sei se eu conseguiria terminar.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  15. Recebi esse livro da Novo Conceito e desde então não me animei muito com a leitura.
    Apesar de gostar do gênero chick-lit, essa pegada meio auto ajuda, experiência de vida que parece ter nessa história não me chama muito a atenção.
    Enfim, apesar de gostar de moda e de passagens engraças não sei se vou fazer essa leitura tão cedo.

    bjs
    Tais
    http://www.leitorafashion.com.br

    ResponderExcluir
  16. Já vi o blog dela algumas vezes, mas não sabia que ela escreveu um livro.
    Realmente as roupas são de doer! Haha
    Pena que o livro não te agradou muito, porque pelo início da resenha pensei que seria mais divertido, mas talvez eu dê uma chance a ele.
    Beijo

    ResponderExcluir
  17. Oi Mari! Acho que não é um livro muito minha cara também não, sou totalmente desligada no quesito moda, visto qualquer coisa e descrições sobre roupas não iriam chamar minha atenção.

    ResponderExcluir
  18. Não sou chegada a moda e acredito naquela que "quem gosta, vai gostar do jeito que é". O fato do livro ser focado nas peças de roupas já me fez perder totalmente o interesse por lê-lo.

    Beijos,
    Duas Leitoras

    ResponderExcluir
  19. Este não é um livro que tem me interessado muito.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  20. Oie!
    Adorei essa capa, gosto de imagens coloridas e divertidas. Infelizmente não é o tipo de livro que me interessa muito, e por isso vou deixar passar. Mas adorei sua resenha e, se no futuro, eu der uma chance, vai ser por sua menção às cenas engraçadas!!!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  21. Oi Mari, tudo bom?
    Tenho uma amiga que adora moda e não curtiu muito o livro. Eu até acompanho blogs de moda, mas meu conhecimento é zero. Eu gostei da proposta de Man Repeller, mas nada prioritário na minha imensa lista de leituras.
    Beijos!
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  22. Oi Mari, curti muito sua resenha, não sou chegada a moda e acho até que não uso direito algumas roupas, mais é que sou mais do estilo básica. Não sei se iria curtir essas partes relacionadas a moda e coisa e tal. Mais pretendo conferir o livro, eu só não sei quando..

    Beijos Mila
    http://dailyofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Eu adoro livros assim e não conhecia este, gostei da dica. O livro parece ser divertido e vou procurar ler em breve.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. Apesar de gostar de clichê esse não chama minha atenção *-*

    ResponderExcluir
  25. Nossa, Mari. Também não sou ligada à moda. Acho então que esse livro seria meio chatinho pra mim também nessas partes. hehe Logo que vi o livro, ele já não me chamou muito a atenção, apesar de o gênero ser um dos meus preferidos. Ainda poderia ler por conta das partes divertidas.

    ResponderExcluir
  26. Difícil quando a leitura não flui, né?!
    Acho que também não me interessaria pelo livro.
    Assim como você, sou muito básica. Tipo: jeans, blusa preta e all star. kkkk'
    Me pareceu um pouco fútil. Além disso, não entendi a questão dos homens. Ela muda para agradar os homens??
    Apesar disso tudo, gostei do fato de ela apresentar várias fases de sua vida.
    =)

    ResponderExcluir
  27. Oi Mari,
    Amo chick lit e fiquei toda empolgada com Man Repeller, mas não sei se será uma leitura boa para mim, gosto de livros leves, porém moda não é muito minha praia, assim como você sou mais básica, acho que esse livro é a cara da minha irmã.
    Beijocas ^^

    ResponderExcluir