Resenha - O Diamante

O Diamante

O Diamante
Autora: J. Courtney Sullivan
Editora: Novo Conceito
Gênero: Literatura Estrangeira / Romance
Páginas: 480
Sinopse: Skoob

Avaliação:
Oi gente, tudo bem?

"Um diamante é para sempre". Esse foi o slogan criado por Frances Gerety, uma mulher diferente das demais do seu tempo. Frances não pretendia se casar, estudou e trabalhou até a aposentadoria para uma agência que fazia publicidade para a maior distribuidora de diamantes. A história começa com Frances em sua casa na madrugada em que o slogan mais importante da sua carreira foi criado.

Em "O Diamante" encontramos cinco núcleos de histórias diferentes. Aparentemente elas não tinham qualquer ligação entre si. Os personagens são de épocas, estados e até países diferentes. Mas, em algum ponto de suas vidas algo os ligou.

O interessante do livro é que Frances Gerety realmente existiu e eu gostei de acompanhar um pouco de sua trajetória e a forma não convencional que ela decidiu tocar a sua vida. É ótimo conhecer histórias de mulheres de sucesso e parece que a autora fez uma boa pesquisa para contar um pouco de Fancis para nós.

Outros personagens e núcleos nos são apresentados e confesso que foi aí que o livro me perdeu. Começamos a conhecer a história de Francis, poucas páginas depois, no início de um novo capítulo, nos deparamos com uma data diferente no início da folha e uma história com personagens completamente novos. E isso se repete. Cinco vezes!!

Cada vez que eu pegava o embalo de uma história o capítulo acabava e outro completamente novo começava. Como são cinco núcleos diferentes, no começo do livro eu tinha que me esforçar para lembrar de quem ela estava falando. Tive que parar no início do capítulo e tentar lembrar um pouco da vida dos personagens daquela mini-história que recomeçava em mais um capítulo, até pegar o embalo da leitura novamente.

Eu gostei mesmo de duas das cinco histórias. Era triste quando acabava o capítulo e eu tinha que iniciar outro, de um enredo que não me cativou, muitas vezes com diálogos chatos, até chegar novamente naquela história que eu estava curtindo acompanhar. Isso me fez desanimar completamente de "O Diamante", já não tinha mais vontade de acompanhar aquelas duas histórias porque para isso tinha que passar por outras três desinteressantes para mim.

Claro que os núcleos se ligam de alguma forma e vamos entender isso lá para o fim do livro, mas, exceto os das duas mini-histórias, os personagens não me cativaram. Várias vezes eu corri o olho pelas páginas, tentando ler o mais rápido possível para que aquele capítulo chegasse ao fim e, quem sabe, se eu tivesse sorte, o próximo seria de alguma preferida.

O livro é cheio de detalhes e eu achei exagerada a quantidade de mini-histórias para formar o todo. Demorei muito mais tempo para ler esse livro do que eu estou acostumada e, para ser sincera, foi um alívio chegar a última página e encerrar a leitura.

No fim do livro, como já tinha me acostumado com os personagens e seus núcleos, não achei as histórias ruins. São boas, cheias de conflitos internos, relacionamento entre pais e filhos, carreira, estilo de vida e, claro, casamentos (o que eu adoro!!), mas eu não gostei da forma como foi contada que, para mim, foi extremamente cansativa, o que pode ter levado muitos leitores a abandonar a leitura do meio.

Se você gosta de livros com várias histórias aparentemente independentes, O Diamante é o livro para você. Como eu disse, o enredo não é ruim e a história em si é muito boa. Comigo não funcionou porque eu não gosto de nada que "quebre" a minha leitura e eu tive essa sensação cada vez que um capítulo chegava ao fim.

Alguém já leu o Diamante? Teve a mesma impressão ou amou a leitura? Me conte, vou adorar saber!

Até a próxima!

Com carinho,



34 comentários :

  1. Oi Mari!!!
    Quando lançaram esse livro fiquei mega interessado, por causa da capa claro, mas por um pequeno pedaço que li da história...
    Vendo sua resenha agora já vi que talvez eu nem goste tanto assim, pois o livro tem que ser MEGA-BOM pra eu gostar, quando são histórias independentes.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  2. Oii Mari! Nunca li o livro mas pelo o que você já da pra imaginar, não curto livros muito detalhados porque acaba ficando enjoativa a leitura pra mim! Mas enfim...cada um tem seu gosto né?!Rsrs!

    Abraços =)

    http://blogcorujaporlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Tô super curiosa pra lê-lo! Mas estou com medo dos capítulos intercalados, muitas vezes eu não gosto de livros nesse estilo.

    ResponderExcluir
  4. Eu até gosto de histórias que se intercalam,mas 5 acho que é forçar um pouco msm o ritmo.Principalmente se as histórias não cativam igual.
    Tenho ele aqui e acho que vou demorar um pouquinho mais a dar a chance rsss
    Bjus

    ResponderExcluir
  5. Olá Mari,
    nossa, não imaginava que essa história fosse de alguém que realmente existiu (não tinha lido a sinopse ainda). Pena isso de o capítulo acabar e começar outro com data e personagens novos, meio chato ter que ficar parando pra lembrar da vida dos personagens né?!
    Quando terminamos um livro, é bom quando ficamos com um gostinho de quero mais, e não com um alívio por terminar a leitura. "O Diamante" estava na minha lista de "Quero ler". Estava. Não gosto de várias histórias independentes, não vou mais dar uma chance pra esse livro, não tão cedo .-.
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Oi, Mari.

    Nossa deve ser complicada essa história. A cada mudança de capítulo novos personagens e apenas lá no final eles se juntarem. '-'
    Já não tinha interesse na leitura de O Diamante e depois da sua resenha não me restou nenhuma dúvida dessa minha falta de interesse.

    Beijos.
    Visite: Paradise Books BR

    ResponderExcluir
  7. Nunca li e nem conhecia o livro. Achei a premissa muito boa, mas quando você falou que teve lembrar detalhes dos capítulos anteriores, pois cada capítulo tinha novos personagens, percebi que esse livro não é para mim, sou bastante esquecida e esse seria o tipo de livro que exigiria bastante minha atenção e anotações.

    Beijos!
    livrosdawis.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Oi Mari!
    Eu não sei quantas vezes eu já comecei a ler esse livro e desisti, também não gosto de nada que quebre a minha leitura, gosto de mergulhar em um enredo e ali seguir sem precisar estar recorrendo a páginas passadas.
    Mas como odeio deixar um livro pela metade, com certeza uma hora vou acabar a leitura.

    Beijos!
    Books and Movies
    www.booksandmovies.com.br

    ResponderExcluir
  9. É uma pena quando nos desanimamos de ler algum livro, né? Eu odeio quando isso acontece!
    Quando você contou sobre o modo como as histórias são contadas, eu me lembrei um pouco de "Cloud Atlas", você já viu o filme? É bem assim, a história começa a ser contada e quando você tá começando a gostar eles cortam para a próxima história. Eu demorei um pouquinho para realmente entender o que estava acontecendo, mas no final acabei gostando bastante!
    Beijos,
    Déia!
    Own mine

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Gosto de livros que falam de pessoas que existiram de verdade, pois fico curiosa para saber um pouco mais sobre suas vidas. Acredito que a história se perdeu um pouco com o excesso de núcleos.

    ResponderExcluir
  11. Oi!
    Gosto de enredos com muitos personagens, mas sem essa sensação de 'quebra'. Tem autores que sabem fazer isto muito bem, outros não....

    http://meuhobbyliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Eu tenho esse livro.. mas ainda não li.. e nem sei quando vou ler.. depois da resenha fiquei meio desanimada.. eu gosto de livros com várias historias.. mas acho que quebrar a leitura do modo como ela faz nesse livro não é legal..

    ResponderExcluir
  13. Oi Mari, tudo bem?
    Eu não sou muito de não ler um livro que estava com vontade, porque alguém não gostou. Mas este, como já não queria muito mesmo, cada dia fico menos afim ainda de ler.
    Ninguém gostou muito dessa obra.
    Eu já li um livro com história paralelas e que amei, mas não vou arriscar com a leitura desse.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Oi Mari!

    É a primeira vez que ouço falar desse livro, mas a história não me interessou. De livros com várias histórias, só gosto daqueles que têm detalhes em comum entre elas, e dos me divertem. Parece que O Diamante é confuso quando se trata do ritmo e de cada capítulo, acho que não seria um livro para mim. Beijos!

    ResponderExcluir
  15. Olhando a capa do livro pensei que fosse um chick-lit mas depois lendo a sinopse e a resenha vi que é uma história mais complexa,rs. Gosto de livros assim contados por vários personagens

    ResponderExcluir
  16. Poxa vida, 5 histórias paralelae é mesmo bem cansativo né.
    Eu tenho este livro e ainda não o li por que na época em que foi lançado e começaram a surgir resenhas, o pessoal não elogiou muito não...daí ele foi ficando.
    Foi uma pena a autora não ter conseguido fazer a conexão certa na trama.

    Beijo, Vanessa Meiser
    http://balaiodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Olá... Mari... eu ouvi falar algo desse livro, mas ele nunca havia me chamado atenção para a leitura... o nome não me remete nada e nem a capa... o enredo descrito na resenha realmente não me cativou... é um livro que com certeza não irei ler... esse tipo de narrativa é ruim... assim como você não gosto disso... seria mais prático colocar as cinco histórias... se no fim interligá-las... Xero!!!!

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Oi Mari,

    Infelizmente existem livros que simplesmente não acontecem, tenho esse livro na estante e a minha vontade de ler está cada vez menor, depois de ler sua resenha ela é praticamente "zero". Não que eu não goste de livros que apresentem várias histórias no decorrer de suas páginas, mas esse livro em particular não me chamou a atenção desde sua sinopse.

    Abraços quentinhos!

    Patty Santos
    Blog Coração de Tinta

    ResponderExcluir
  19. Ei Mari, tudo bem?
    Esse livro pelo jeito não me agradaria também. Detesto livros que tem muitas histórias paralelas, então imagina um que é formado por 5 arcos diferentes, e todos são de certa forma principais?! Realmente, não é a melhor forma de construir uma história.
    Adorei sua resenha, super sincera e apontou bem o porque de você não curtir o livro
    beijos
    http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Ei Mari!
    Q penaa q o livro deixou a desejar, te confesso que ficaria perdida da mesma maneira... eu tenho uma memória meio ruim e isso sempre acontece comigo nos livros q eu tenho q lembrar muito nomes hahaha!
    Apesar da idéia ser legal do livro, acho q daria mais certo em um filme né?
    Bjos!!

    www.leituravipblog.com

    ResponderExcluir
  21. Oi Mari, esse é mais um dos livros que tenho abandonado na estante. Recebi ele da NC e até hoje não me deu a mínima vontade de ler. Sabe quando tem aquele conjunto: "Não gostei da capa e a sinopse não chamou a atenção"?? Pois é. Esse é um deles. Depois de ler sua resenha então é que ele não será lido mesmo... pelo menos até eu estar muito entediada rs.

    Beijos,
    Raiza

    ResponderExcluir
  22. Eu já li um livro que tinham mais ou menos 5 histórias paralelas, e não senti muita dificuldade em ler, já que o jeito que cada personagem contava a história era bem diferente, acho que isso não seria um problema para mim. Também gosto de livros detalhados, mas sem muito exagero.
    Acho que gostaria da leitura desse livro, meu gosto de leitura é um pouco diferente do seu, hahaha.
    Só não gostei muito da capa do livro. Mas isso é o de menos.
    Espero ler esse livro assim que puder.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  23. Poxa, eu também odeio quando o livro tem histórias alternadas, dá um nó na minha cabeça e eu não entendo é nada kkkkk tenho que ficar voltando o tempo todo pra relembrar :/

    Beijos
    Colecionando Primaveras
    Fanpage

    ResponderExcluir
  24. Oi Mari tudo bem, olha esse livro nunca me chamou atenção até mesmo pela capa achei meio sei lá, qdo falamos a respeito o dia em que saímos senti que a leitura ficou bem indefinida, bom essa leitura fica para uma próxima! Bjkas
    DaniCasquet - Livros, a Janela da Imaginação

    ResponderExcluir
  25. Hey
    Não conhecia o livro. Estou lendo um livro que tem 3 núcleos diferentes e é muito frustrante mergulhar num capítulo e, quando vai para o próximo, dar de cara em um muro completamente diferente. Will & Will também é assim. Conta a história de dois Will's e até eu entender isso, tive que voltar do início pra ir ligando as histórias, rs. Contudo, o livro parece ser legal. Mas, isso de várias histórias independentes, desanima um pouco.

    Abs

    ResponderExcluir
  26. Eeeee saiu a resenha =D

    Bom, o livro não chama a minha atenção e, sinceramente, achei ele meio confuso: mini histórias com histórias que se ligam... vou deixar passar.

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  27. Oi Mari, tudo bom?
    A premissa do livro não me atraiu muito, principalmente pela quebrada no ritmo das histórias. Eu também ficaria frustrada de uma história boa para outra ruim no meio da leitura de um livro. Achei a proposta da obra bem confusa.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  28. Oi Dressa.
    Poxa, fiquei meio desanimada rs
    Eu tenho esse livro na estante mas tenho uma enorme preguiça de lê-lo e acada resenha que eu leio essa preguiça fica maior pelo motivo de: muitos detalhes. Acho isso muito cansativo. Não podia ter feito só duas ou três histórinhas que se ligassem não? Tinha que ser cinco/um monte?

    ResponderExcluir
  29. Oi Mari, como está? :)

    Hm, não me senti atraida! haha'

    Nunca li um livro com várias histórias interligadas assim, mas sinceramente acho que não ia gostar; prefiro isso em filmes mesmo.
    Além do fato de você ter dito que isso quebrava o ritmo da leitura... desanimei haha'

    Beijos! ;*
    ||Letras Eternas||

    ResponderExcluir
  30. Oi Mari!
    Que pena que você não gostou tanto do livro, mas assim como você não me dou bem com vários pontos de vista. Na verdade já fico meio assim só com dois KKKKKKKK
    Não sabia que foi baseado em uma história real. Bem legal.

    Bjs

    ResponderExcluir
  31. Ei Andressa, nunca tive curiosidade de ler esse livro, na verdade, nem sabia sobre o que se tratava. Gosto de mini-histórias dentro do livro, mas me pareceu que ficou meio cansativo. Uma pena que a leitura não foi proveitosa para você, beijos.
    Gabi, www.reinodaloucura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  32. Não gostei muito desse livro não, nem tanto pela historia e sim pela forma que parece ter sido escrita.
    Não há problemas em ter varias historia em um livro, mas quebra-las assim fica estranho.

    ResponderExcluir
  33. OI Mari, tudo bem?

    Eu imagina outra coisa para este livro e confesso que não gostei muito não. Eu gosto de histórias contínuas, mas nem foi por isso que não gostei. Eu achei esse livro muito confuso e é por isso que não leria.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  34. Bem, confesso que esse livro não tinha me chamado a atenção desde seu lançamento e, depois de ver esses probleminhas que ele apresenta, confirmei de que não o lerei. Acho que são muitos núcleos e muitas personagens, e como sou um pouco disperso, isso é um grande problema para mim.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir