Resenha - Minha Mãe é uma Peça


Minha Mãe é uma Peça
Autor: Paulo Gustavo 
Editora: Objetiva 
Gênero: Literatura BrasileiraHumor
Páginas: 145
Sinopse: Skoob 

Avaliação:


Oie, tudo bom?

Eu duvido que você tenha assistido o filme Minha Mãe é uma Peça sem se divertir horrores com a Dona Hermínia. Quando eu descobri que seria lançado um livro baseado nessa personagem, fiquei com muita vontade de ler e me divertir mais com suas loucuras. Dona Hermínia é a incrível personagem criada pelo humorista Paulo Gustavo que começou na televisão, virou um filme e agora se tornou um livro.

Através de textos inéditos e fotos da personagem, os autores (o livro foi escrito pelo Paulo Gustavo com a colaboração de Ulisses Mattos e Fil Braz) trouxeram diversas situações em que Dona Hermínia destila todo o seu veneno e bom humor. É o tipo de livro que você ri do começo ao fim porque é impossível não se identificar lendo os capítulos. Dona Hermínia comenta sobre ex-marido, vizinhos, filhos, homossexualismo, viagens, vida dos famosos, trabalho, sexo, religião, etc. Claro que cada tema recebe uma pitada de ironia dessa personagem.

Logo no primeiro capítulo já temos as opiniões polêmicas e contraditórias da personagem sobre a criação dos filhos. O primeiro capítulo, que recebeu o nome de Guia de Dona Hermínia sobre como criar os filhos, me fez rir muito com os métodos nada ortodoxos que ela usa com os filhos Marcelina e Juliano.

"Qualquer pedido eu digo logo não. Tem que ser que nem naqueles filmes de faroeste. Atira primeiro e pergunta depois. Então, primeiro é não. "Mãe, quero viajar com minha amiga..." "Não!". Depois que explicarem que a viagem é junto com os pais da amiga ou que o dinheiro é pra comprar um presente pra um amiguinho, aí é que eu vou dizer "sim".

A narrativa do livro é bem despretensiosa, leve, fluida e engraçada. Não existe uma ordem nas cenas relatadas e durante a leitura parecia que eu estava lendo o roteiro de um filme de comédia. Isso não foi um problema porque deu leveza a leitura e tornou a experiência mais prazerosa.

Confesso que as partes que mais curti foram as que ela cita o ex-marido Carlos Alberto. Não sei se vão concordar comigo, mas ter ex-marido deve ser bem ruim e Dona Hermínia fica bem irritada com o dela. Foi muito engraçado acompanhar diversas frases que ela solta contra o casamento.

"Esse negócio de casamento em novela é um ótimo exemplo. Na novela, um autor vai enrolando o telespectador durante a trama inteira. Aí no final os personagens se casam, Acaba a novela ali no casamento, porque se continuar a história fica uma merda. Porque o casamento mesmo é ruim. Só aparece a festa, porque a comemoração é boa."

O trabalho de diagramação está bacana com fonte confortável, papel especial e várias fotos ao longo do livro. Minha Mãe é uma Peça é aquele tipo de livro despretensioso para ser lido durante uma tarde ou um fim de semana. É uma leitura bastante dinâmica com menos de 150 páginas.

Bem humorado, leve e agradável são adjetivos que se encaixam perfeitamente nesse livro. Uma divertida narrativa que consegue divertir tanto no audiovisual e literário. Recomendo a leitura para todos os leitores.

Beijos!



30 comentários :

  1. Oi Aline...
    É verdade, me diverti muito com este filme. O livro deve ser muito bom também.
    Imagino, ela falando do Carlos Alberto no filme já era bem engraçado..rs
    Adorei a resenha, e saber mais do filme.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi Aline!
    Amo Paulo Gustavo e Minha mãe é uma peça!
    Não sabia que tinha um livro!
    Com certeza fiquei morta de vontade de ler!
    Deve ser muito engraçado e divertido mesmo!
    Ótima dica

    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  3. Oi Aline!!!
    Não curto muito filmes nacionais, mas realmente ri horrores em Minha Mãe é uma Peça.
    Tenho certeza que o livro é uma leitura leve e divertida...
    Deve ser bem legal as opiniões superdivertidas da Dona Herminia haha
    Adoro livros com fotos ou com algum coisa diferente que quebre a rotina de leitura.
    Esse vai pra lista!!
    Beijo.

    ResponderExcluir
  4. Adoro o Paulo Gustavo, acho ele hilário, na maioria das vezes. Não acho que exista quem faça comédia melhor que os brasileiros. Gostei muito do filme Minha Mãe é uma Peça, também gosto das cenas dela em 220 Volts. Sabia da existência desse livro, mas tinha receio de que não fosse tão engraçado quanto o filme. Adorei saber que você gostou do livro, agora estou com vontade de lê-lo.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Gostei bastante do filme, mas não tinha me interessado pelo livro. Porém ao ler a resenha tive muita vontade de ler. Pelas citações o livro pareceu ser bem divertido e engraçado. Também achei legal ter fotos e pelo que você falou a diagramação foi feita com muito cuidado.

    ResponderExcluir
  6. Oi! Já assistir o filme, mas infelizmente não consegui terminar de assisti-lo, não me levou a rir, achei um pouco sem graça, mas confesso que achei a personagem bastante popular, conheço tantas mães que são daquela forma. Não leria o livro, mas, com certeza, é recomendável para quem gostou do filme.

    ResponderExcluir
  7. Se só com o filme eu quase morro de rir, imagino como vai ser quando ler o livro. Acho até que vou comprar para ler com a minha mãe, porque toda mãe tem alguma coisa de Dona Hermínia. KKKKKKKK Já quero ler!

    ResponderExcluir
  8. Oie, Aline! Dona Hermínia é mesmo uma figura, por isso estou louca para ler esse livro! Deve ser risada e agulhada a cada frase!

    Letras & Versos

    ResponderExcluir
  9. Oláá
    Ei infelizmente não assisti ao filme ainda e nem li o livro, mas sinceramente, não tenho vontade de ler, só assisti, pois esse livro não faz muito meu gênero, porém, sua resenha ficou ótimo e talvez daqui um tempo eu até arrisque caso tenha oportunidade.

    http://realityofbooks.blogspot.com.br/
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Aline não sabia do livro, vi o filme: ri e me emocionei muito.
    Vc sabe que ele se inspira na mãe dele não é!!!!!!!!????
    Adorei acompanhar suas impressões da leitura e com certeza se eu tivesse oportunidade leria. Valeu pela dica.

    Leituras, vida e paixões!!!!

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    Eu vi o filme no cinema com minha mãe, que é quase uma dona Hermínia,e ri horrores!
    Adorei sua resenha e os trechos que você mostrou já me fizeram rir. Tô precisando mesmo de um livro leve no momento, algo rápido e engraçadinho. Acho que esse livro cairá como uma luva! O fato de parecer um roteiro de cinema só vai melhorar as coisas.
    Vai para minha lista de leituras agora mesmo!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  12. Oi Aline, tudo bem?
    Eu já assisti ao filme minha mãe é uma peça e amei! me diverti muito e ri horrores com essa personagem! Não sabia do livro e fiquei bem curiosa para lê-lo, deve ser bem divertido.
    Fico feliz que você tenha gostado tanto dessa leitura e adorei as partes que você destacou do livro, fiquei ainda mais curiosa para fazer essa leitura.

    Beijo ;*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
  13. Assisti apenas trechos do filme, preciso ver inteiro. O filme é bem engraçado (pelo menos as partes que vi) e o livro não deve ser muito diferente.

    ResponderExcluir
  14. Oi Aline!
    Realmente me diverti muito com esse filme, e lendo a sua resenha fiquei lembrando de algumas cenas haha não sabia que haviam lançado o livro, mas com certeza vou arrumar espaço pra ele na minha lista ;)
    Beijos!
    Carol - http://www.livrosajaneladaimaginacao.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Olá
    Adorei o filme, assisti faz um tempo mas é realmente muito engraçado, queria muito ver a peça porque deve ser ainda melhor! Ainda não li o livro, mas deve ser assim como o filme muitíssimo engraçado!
    Abraços
    www.estantedepapel.com

    ResponderExcluir
  16. Oi Aline!
    Não vi o filme, e quando comecei a ler a resenha já pensei "acho que não vou gostar". Eu não curto muito livros de comédia, mas não é que esses trechos me chamaram a atenção. O modo como ela cria os seus filhos me lembra a minha mãe kkkkkkkk
    Acho que irei dar uma chance a este livro e me divertir lendo-o.
    Beijos!
    http://cantinhogeeks.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  17. Me divirto muito com essa personagem. Aliás, qualquer personagem do Paulo Gustavo é divertida. Assim que soube que iriam lançar esse livro, já corri pra coloca-lo na minha listinha de desejados. Tenho certeza que será diversão na certa. A única pena é que é curtinho.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  18. Esse livro parece falar de tudo mesmo, eu adoraria lê-lo, assim como adoraria assistir ao filme, o qual nunca tive a oportunidade de assistir! haha

    http://ocasulodasletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Oi ALinee!!
    Adoroo leituras assim entre um livro pesado e outro!
    Assisti o filme e realmente me diverti horrores com D. Hermínia!!
    Imagino q peça n deve ser o livro!!
    Bjos!
    Aline Praça
    www.leituravipblog.com

    ResponderExcluir
  20. Oi Aline, tudo bem??
    Eu assisti apenas o filme e com a minha filha... eu adoro comédia... mas ando sem tempo sabe... mas diante do pedido da Nicole, não pude dizer não... então fizemos um cineminha em casa mesmo... ri do começo ao fim... acredito que o livro tenha a mesma estrutura de entreter o leitor e o fazer sorrir... gostei... Xero!

    ResponderExcluir
  21. eu assisti somente ao filme e adorei , e muito bom , eu rii muito , o livro parece ser bom tambem , e me imagino com o livro na mao e rindo igual louca , esses filhos dela KKKKKKKK

    ResponderExcluir
  22. Um bom livro de leitura light, acredito que vou me divertir bastante lendo, vi apenas algumas chamadas sobre o filme, não tinha ideia que o livro também havia sido lançado, é interessante e acho que vai conquistar bastante leitores, fiquei curiosa para ler. :)

    www.daimaginacaoaescrita.com

    ResponderExcluir
  23. Aline!
    Assisti o filme e me acabei de rir, não tem como não rir com D. Hermínia, né?
    Imagino que o livro siga o mesmo ritmo hilário e desopilante do filme.
    Gostaria de dar boas risadas com o livro.
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. Oi Aline, tudo bem?? Eu vi e o filme e a peça e me diverti Muito! Nunca imaginei que o Paulo Gustavo fosse transformar o roteiro em livro e fico feliz que tenha te divertido! Acho que é esse mesmo o intuito da história, ser leve e nos arrancar muitas risadas!!
    Beijos

    Mari
    cantinhodeleituradamari.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  25. Oi Aline

    cara, acho que eu sou a única pessoa que acha esse cara meio... BLÉÉÉÉE, sem graça. Não leria o livro dele justamente por causa disso. =(

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  26. Oi Aline, tudo bom?
    Ah, eu amo o Paulo Gustavo. Já conhecia o trabalho dele desde o comecinho na multishow e assisti a duas peças dele, uma inclusive eu estava morrendo de 40º de febre e me diverti horrores, acredita? Adorei o filme e tenho certeza que o livro deve ser tão bom quanto! Vou já providenciar!
    Beijão

    ResponderExcluir
  27. Oi Aline, tudo bem?

    Eu vi o filme e morri de rir. Não sabia que tinha um livro, mas já consigo imaginar o quanto deve ser engraçado. Não estou comprando livros agora, mas assim que puder vou dar um jeito de comprar :)

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  28. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  29. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  30. oi ALINE eu queria saber si tem minha mae e uma peça em texto

    ResponderExcluir