Resenha - Apenas um Ano

Gayle  Forman
Apenas um Ano 
Autora: Gayle Forman 
Editora: Novo Conceito 
Gênero: Literatura Estrangeira / Romance
Páginas: 352
Sinopse:  Skoob

Avaliação:

Olá, tudo bem com você?

Depois do final aberto do primeiro volume dessa "duologia" que foi Apenas um Dia confira a resenha Clicando Aqui  fiquei muito curiosa para esse lançamento chegar logo e então assim que chegou me empolguei para ler, mesmo sabendo que o final seria o mesmo eu ainda tinha uma esperança de um final mais fechado.

Se no primeiro livro conhecemos Alysson e sua vida totalmente modificada depois de conhecer Wiliem , neste somos apresentados ao Wiliem que conta agora sua versão da história e como conhecer Alysson também mudou a sua vida. 

Wiliem é um jovem aventureiro que não consegue ficar parado em apenas um lugar, e viajar está em seu sangue ele precisa de novas descobertas e precisa de um motivo mais forte para continuar vivendo e sonhando. 

Só que devido a um acidente em que perde parte de sua memória ele não consegue se lembrar totalmente de Alysson, só lembra de seu apelido que ele mesmo colocou que é Lulu e não sabe onde ela mora, seu nome verdadeiro nenhuma informação que o faça chegar até ela, mas a sensação que ela deixou em sua vida é forte e isso faz ele lutar para encontrar ela de algum jeito.

Página 103
Há uma diferença entre perder algo que sabia ter e perder algo que se descobriu ter. Uma é decepção. A outra é perda de verdade.

Wiliem vai em busca de novos horizontes e viaja por vários países diferentes entre eles México e Índia e entre uma viagem e outra ele acaba conhecendo pessoas que o ajudam de certa forma a criar um futuro melhor e a também a resolver seus problemas familiares. 

Neste livro somos apresentados a vida de Wiliem, dá para entender porque ele é sozinho, onde estão seus parentes e o que de fato ele sente em relação a Alysson.

Página 335
Não sabemos que queremos algumas coisas até o dia em que as perdemos. Outras, pensamos querer, mas não entendemos que já as temos.

A busca dele por ela é de cortar o coração dá vontade de entrar no livro e mostrar para ele o quanto eles estão próximos. 

A edição do livro é simples, as letras estão é uma fonte muito agradável , as páginas são amareladas e mais grossas e a narrativa é feita em primeira pessoa por Wiliem. 

Gostei bastante deste livro e achei bem gostosa e leve a narrativa da autora, é um livro rápido de se ler e consegui me conectar com Wiliem e sentir tudo o que ele sentia em relação a vida e a Alysson, o livro é cheio de peças e frases de Shakespeare até porque Wiliem é ator e uma de suas viagens ele consegue atuar em uma peça de Shakespeare e começa a dar certo o trabalho de ator. 

O livro é continuação do primeiro e mesmo sendo a mesma história só que narrado por cada personagem não podem ser lidos fora de ordem pois o primeiro faz entender os pontos principais do segundo volume e se começar a ler apenas pelo segundo volume não vai entender o que realmente aconteceu com a história desses dois personagens. 

O final apesar de ser aberto é mais fechado que o primeiro volume e dá para imaginar o que pode ter acontecido entre os dois e isso me deixou menos aflita, porém senti falta de saber mais detalhes da vida de Wiliem , sua relação com sua mãe ficou em aberto e fiquei confusa em certos momentos e acho que as viagens que ele fez não mudou muita coisa em sua vida. 

Acho que o primeiro livro passou mensagens mais importantes sobre o que você deve fazer em relação a vida , neste segundo volume não consegui ver um crescimento no personagem como no primeiro mas de qualquer maneira é um livro que me fez bem , foi uma leitura gostosa e com certeza recomendo! 

A autora fez um conto chamado "Apenas um Noite"  para dar um final a esta história e não sei dizer se será lançado no Brasil pela editora Novo Conceito mas desejo que sim! 

Outro ponto que não me agradou foi a mudança de capa,  parece que se trata de uma nova série e não seguiu o mesmo padrão do primeiro livro mas a história em si compensa este pequeno detalhe!


Beijos
Até mais!

27 comentários :

  1. Olá Dressa.
    Eu li a resenha do primeiro livro e gostei da história. Acho interessante a autora ter lançado dois livros para contar a versão de cada um, e é claro fechar logo de uma vez esta história, por que se os dois acabassem separadores, que eu acho que não é o que acontece, eu ficaria decepcionada. Eu não gosto de finais assim, acho triste demais.
    Acho que comprarei esses dois volumes.
    Beijinhos.

    www.cantinhogeek.com

    ResponderExcluir
  2. Ainda não li nenhum desses livros, mas já havia visto comentários apesar dessa ser a primeira resenha que li, e me interessei pois parece ser uma história interessante e que prende o leitor, e como contém um pouco de romance já me ganhou, e achei legal a autora escrever a versão de cada um na história. Pretendo comprar os dois volumes e ler em breve.

    ResponderExcluir
  3. Tinha visto ele na Saraiva, mas sempre espero a resenha pra poder comprar rsrsrs, não li o primeiro ainda, beijos

    http://www.angelimcosmeticos.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi, Andressa! Não li os livros ainda, mas achei bem bacana a ideia da autora de contar a história de Alysson e Wiliem em livros separados. Pelo visto, funcionou bem, né? Finais abertos também me deixam agoniada, fico imaginando mil e uma coisas haha. Adorei a resenha!

    ResponderExcluir
  5. Oi Dressa..
    Já gostei de saber que tem passagens do Shakespeare, deve ser bem gostoso de ler.
    Bom, mas eu ainda não li o primeiro, mas ainda pretendo faze-lo um dia.
    Geralmente no segundo livro as personagens deviam amadurecer mais.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi Dessa!!
    Adoro a escrita da Gayle.
    Li Se Eu Ficar em menos de dois dias e já peguei Para Onde Ela Foi em seguida haha
    Gostei mais do segundo.
    Tenho muita vontade de ler esses novos livros dela, mas acho que vou esperar pra comprar depois que a editora relançar a capa de Apenas Um Dia.
    Adoro essas capas haha
    Aproveito e compro junto Eu Estive Aqui, da mesma autora, que também vai virar filme.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  7. Ainda não li nenhum dos livros da autora mas o primeiro dessa duologia está sempre com um preço bom nos sites, esperando a oportunidade aparecer *o dinheiro* pra que eu possa comprar. Histórias assim, que nos fazem refletir sobre a vida em si me atrai muito, com certeza esse livro deve causar uma reflexão no leitor e quero muito ter a chance de ler os dois em breve.

    ResponderExcluir
  8. Oi Andressa,
    Ainda não tinha lido resenha sobre esse livro.

    Até gostei de Se Eu Ficar, e pela sua resenha esse também parece ser uma leitura proveitosa e também um pouco de apertar o coração, por causa da busca dele por ela.

    Linda resenha.

    bjs
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  9. Oi, Andressa.
    Ainda não li nenhum livro de Gayle Forman, mas já peguei Se Eu Ficar emprestado e, se eu gostar da escrita da autora, eu acrescento esses dois na minha lista. Eu achei interessante o enredo de Apenas Um Dia, mas não gosto desses "finais abertos", principalmente no livro que deveria fechar a história. E eu acho que deviam ter mantido o estilo da capa do primeiro também. Ótima resenha!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  10. Hello!
    Muita gente está na maior expectativa para ler esse livro.
    Mas me falaram que não é continuação e sim uma releitura na visão do mocinho.
    Eu fiquei meio receoso se leria o livro por causa desse final aberto, mas tem esse outro livro ne?! Mas ainda não está traduzido...aiai...nao sei se leio e fico louca, haha!
    Gosto mais das capas antigas, essas novas não gosto, ainda mais com esses quadrados que lembra a outra coleção.

    ResponderExcluir
  11. Andressa!
    Li o primeiro e gostei muito.
    Gostaria de ler esse, porém infelizmente não recebi da Editora.
    Gosto quando um autor usa o artifício de um segundo livro pela visão do outro protagonista e gostaria de ler o ponto de vista de Willem em relação aos sentimentos que tem por Alysson.
    “Quando defendemos os nossos amigos, justificamos a nossa amizade.”(Marquês de Maricá)
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participe no nosso Top Comentarista!

    ResponderExcluir
  12. Oi Andressa,

    Ainda não li nenhum livro dessa duologia e conhecia muito pouco sobre ela até sua resenha, devo me interessar por ler estes livros no futuro, ainda tenho que terminar a outra dualogia "If I Stay".
    Assim, dos livros de Gayle Forman eu li apenas um até hoje que foi "Se eu ficar", gostei tinha lido muitas resenhas positivas e esperava um pouquinho mais, mas acho que o segundo (que tá minha meta de leitura) deve preencher o que senti falta, que foi um final de verdade pra história deles dois, ainda assim a autora escreve bem e foi uma leitura rápida e fluida (pelo menos foi pra mim).

    :)

    ResponderExcluir
  13. Achei a capa linda e gostei muito da Historia ser contada em primeira pessoa e ter as duas versões , dois pontos de vista da mesma historia , acho lindo e corajoso um livro feito assim com certeza vou ler os dois

    ResponderExcluir
  14. A história que o livro conta parece ser realmente boa, mas não sei se eu conseguiria ler. Depois da decepção que "Se eu Ficar" foi para mim, fico com um pé atrás, quando se trata dos livros da Gayle.
    Abraços!

    ResponderExcluir
  15. A história que o livro conta parece ser realmente boa, mas não sei se eu conseguiria ler. Depois da decepção que "Se eu Ficar" foi para mim, fico com um pé atrás, quando se trata dos livros da Gayle.
    Abraços!

    ResponderExcluir
  16. Oi, Dessa!
    Finalmente conseguiu uma leitura digna de 4 xícaras de chocolate quente! hahaha
    Confesso que estou mais empolgada com Apenas um dia e realmente a capa de Apenas um ano poderia ter seguido a "linha" do primeiro, né? Parece uma continuação de Se eu ficar, sei lá. E falar nisso, a continuação de Se eu ficar tem uma capa totalmente diferente... ai... eu divagando aqui, mas acho que deu pra entender, né?
    Agora que tem o livro Eu estive aqui com a capa parecida parece que todos os livros são parte da mesma série, ou então nenhum livro é continuação aiiii... complicado!
    Mas voltando ao ponto: creio que vou gostar mais do livro pelo ponto de vista da "Lulu" haha

    Beijos,
    Duas Leitoras

    ResponderExcluir
  17. Estou com bastante vontade de ler essa duologia, por a autora ter uma escrita gostosa e leve, e também passar mensagens importantes nos seus livros.
    Amei a resenha! Bjos <3

    ResponderExcluir
  18. Até agora não li nada de Gayle Forman, mas Se Eu Ficar está na minha lista e pretendo em seguida ler esta outra duologia. A autora parece ter o dom de emocionar o leitor e é impossível não ficar curioso diante de tantos elogios, porém eu admito que não entendo porque atualmente, todas as capas de seus livros seguem o estilo mosaico de Se Eu Ficar.
    Isso no começo me confundiu muito pois ao olhar para elas sem saber que se trata de historias diferentes, tive a impressão de que pertenciam a uma série extensa. Na minha opinião deveriam variar mais no formato das capas.
    De todo modo, adorei a resenha ^^
    Beijos

    ResponderExcluir
  19. Assim, eu nunca tive vontade de ler nada do Gayle Forman. Quando "Se Eu Ficar" lançou, eu li a sinopse e pensei: "Não, não é pra mim". Daí assisti o filme com o noivo, e pá: confirmei. Tio, não é nada demais, mas não me senti atraída pela história. O mesmo acontece com essa série. Não é interessante pra mim. não sei. Ainda não estou no tempo de ler. quem sabe um dia?!

    Fico feliz que você tenha gostado, e conhecer o outro personagem que era citado no primeiro, é bem interessante. Fico triste que algumas coisas não tenha dado certo, e realmente, por se tratar de outro personagem, as vezes dá mais detalhe deste e tntar fechar mais a parte da história dele se torna mais legal. e a capa sem combinar foi triste mesmo. palha de verdade.

    Enfim, tchau.

    ResponderExcluir
  20. Não tenho muita vontade de ler um livro dessa autora desde que li Se Eu Ficar e tal mas parece ser muito bom. Quanto a capa, achei ridículo essa mania de fazer as capas de todos os livros dela em quadradinhos. Fica tudo parecendo uma continuação de se eu ficar e não outras séries, outros livros.

    beijos
    Pobre Leitora

    ResponderExcluir
  21. Sinceramente, odeio quando os autores/editoras "inventam" esses volumes que, praticamente, contam as mesmas histórias, mas por pontos de vista diferentes. Não sou contra dois, três, quatro... mil volumes, mas já comecem a dividir a narração desde o primeiro volume. E o pior é saber que o final desse segundo é, justamente, na mesma cena que seu anterior. Enfim, estratégia pra se tirar dinheiro dos leitores.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  22. Reparei que voce gosta muito de romance né, antes eu adora romances lia muito mas depois cansar e por enquanto eu tirando umas ferias de romance e só as vezes leio algum, por enquanto ele não entra na minha lista, mas talvez algum dia

    ResponderExcluir
  23. Mana vou ser sincera, sua resenha foi boa mas mesmo assim não me levou a querer ler esse livro, tipo eu não senti aquela química com a história então acho que não vai rolar e tomara que a Novo conceito lança o conto pra não decepcionar os que amaram os livros.

    ResponderExcluir
  24. Oi, tudo bem?

    Eu ainda não o primeiro livro, eu o ganhei em um top comentarista, mas não tive tempo de ler. Eu também ainda não li nenhum livro desta autora, mas só leio críticas positivas então estou animada para ler estes dois livros.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  25. Olá Andressa,

    Quero ler o primeiro livro "Um Dia" e, se gostar continuo a duologia. Confesso que quando lançou este livro "Apenas Um Ano" eu tinha certeza de que era continuação do "Se Eu Ficar" da mesma autora, afinal, as capas estão idênticas, né. Muito chato isso!

    Beijo.

    ResponderExcluir
  26. Nunca li nenhum livro da Gayle Forman e quero muito ler a continuação de Se Eu Ficar antes de cair de cabeça no mundo de Apenas Um Dia. Não gosto muito das capas porque não acha nada criativas.

    ResponderExcluir
  27. Confesso que minha primeira experiência com a escrita da autora não foi nada boa. Li Se Eu Ficar cheia de expectativas e quebrei a cara, porque não consegui de jeito nenhum gostar da protagonista e me revoltei totalmente com o final do livro. Mas como eu prefiro acreditar que a culpa foi das minhas terríveis expectativas, pretendo dar mais uma chance à autora, e esses livros me parecem ter uma trama interessante e comovente que eu adoraria conhecer. Acho que seria uma boa maneira de mudar as minhas impressões ruins.

    ResponderExcluir