Resenha - Uma Curva no Tempo


Uma Curva no Tempo
Autor: Dani Atkins
Editora: Arqueiro
Gênero: Literatura Estrangeira /  Drama 
Páginas: 213
Sinopse: Skoob

Avaliação:



Oie, tudo bom?

Uma Curva no Tempo é um últimos lançamentos da Editora Arqueiro e já tinha entrado para minha lista de desejados. A sinopse é incrível e a proposta da narrativa é instigante, mas acabei me decepcionando durante a leitura. Vamos conferir como foi?

Uma Curva no Tempo é uma narrativa em primeira pessoa, narrada pela Rachel. Primeiramente somos levados ao ano de 2008, em um restaurante da pequena cidade de Great Bishopsford, na Inglaterrra. Um grupo de amigos está reunido antes da ida para a universidade. Rachel namora Matt, mas tem uma grande cumplicidade com Jimmy, seu amigo de infância que também faz parte do grupo. Porém, durante esse encontro, um grave acidente acontece quando um carro invade o estabelecimento. Todos conseguem fugir do carro desgovernado, menos Rachel, porém nos últimos segundos ela consegue ser salva por Jimmy e ele infelizmente é atingido pelo veículo.

"Ainda parecia forte e bronzeado, como havia poucos minutos, quando encontrara força para me puxar para longe do perigo. Só que agora ele não estava se mexendo. Muito antes de as ambulâncias chegarem até nós, eu me dei conta de que ele jamais voltaria a se mexer."

Cinco anos depois encontramos Rachel ainda muito marcada pela tragédia. Ela ganhou uma cicatriz, passou meses no hospital, nao conseguiu ir para afaculdade e perdeu seu melhor amigo. Ela nao consegue esquecer aquele dia e sempre acreditou que deveria ter morrido no lugar de Jimmy. Sua amiga Sarah esta casando e ela acaba aceitando o convite para a festa que ocorrerá em sua cidade natal. Voltar para Great Bishopsford trás lembranças dolorosas e ao visitar o túmulo de Jimmy, Rachel tem uma crise e começa a passar por uma experiência inexplicável, ela acorda em uma realidade onde tudo ocorreu de uma forma diferente e Jimmy não está morto.

"Assim era Jimmy; o garoto que me amara quando éramos crianças e o homem que havia se tornado. Eu podia confiar nele com relação a tudo. Eu podia confiar nele com relação à verdade. "

Entender o que tinha acontecido na vida da personagem foi o que me motivou a começar a ler Uma Curva no Tempo. Infelizmente alguns pontos da narrativa me incomodaram. Para começar, a protagonista não é cativante e mesmo com todos os problemas que ela passa, eu não consegui me ver torcendo para ela. A Rachel sofreu perdas físicas e psicológicas após o acidente, mas ela se excluiu de tudo e não aproveitava a nova vida que seu amigo lhe "deu". Entendo o luto da personagem, mas ela chegava a ser irritante com sua falta de ambição pela vida.

Além disso, o enredo é bem inovador, mas com um desenvolvimento totalmente previsível. Na metade do livro eu já sabia o que tinha acontecido e só fiquei esperando para saber de que forma a autora mostraria isso no livro.

Se aquela era minha casa – e como eu poderia negar quando me via cercada por evidências tão sólidas –, então que razões possíveis isso me deixava para continuar a insistir que aquela vida não era minha?

Nessa espécie de "realidade paralela", Rachel está noiva do Matt e que personagem nojento. Sabe aquele cara metido que acha que o mundo precisa girar ao seu redor? Matt é o personagem secundário que mais aparece e tive vontade de bater nele por causa da sua prepotência. Por falar em personagens secundários, a autora inseriu alguns na trama, mas eles ficaram sem função na narrativa.

A escrita da autora é muito agradável, deixando a leitura mais fluida e rápida. Não é um livro complexo, mas a história tem alguns pontos que levam a reflexão do leitor. E se a sua vida fosse de outra forma? E se aquilo não tivesse acontecido? E se o Jimmy não tivesse morrido?

Uma amiga minha leu e chegou a chorar e vi outros comentários emocionados sobre a históra, mas infelizmente eu não consegui me emocionar em nenhum momento do livro. Outro ponto negativo que destaco foi o desfecho. REALLY???? Não aceito aquilo como final.

Antes que eu me esqueça, preciso citar algo que adorei: a capa do livro. Ela tem uma relação enorme com a história.

Talvez tenham sido minhas altas expectativas que fizeram com que eu me decepcionasse com Uma Curva no Tempo ou não era o momento certo para essa leitura. Apesar disso, é um livro que recomendo para todos que gostam de bons dramas e histórias reflexivas.

Beijos!




35 comentários :

  1. "Uma curva no tempo" está na minha lista de leituras do mês porque essa capa me cativou e a história parece ser incrível. Realmente, uma pena que você tenha se decepcionado tanto com o livro, vai ver que é como você disse:nao era o tempo certo pra ler. Acho que deve ser uma história muito emocionante e que causa diversas reflexões de vida no leitor.

    ResponderExcluir
  2. Serio mana que você não gostou ? Meio que fiquei triste agora porque eu espera uma historia bem melhor do livro e depois de ler sua resenha vi que a menina tem muito drama " interno", eu entendo o motivo e tal mas poxa o cara morreu por ela então aproveitar a vida por ele seria o correto ¬¬ isso conta como ponto negativo pra mim alem do fato que parece que ela enrolou e também gosto de livros mais divertidos, que eu posso rir com o personagem. Valeu pela resenha e que pena que não gostou mais agradeço a sinceridade.

    ResponderExcluir
  3. achei a capa linda, pena q vc nao gostou muito ..mas é assim mesmo as vezes o livro nao nos toca... :)

    http://www.jacknuit.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi, Aline! Uma pena o livro não ter te agradado tanto. Quando os personagens não conseguem nos cativar é tão chato, né? Eu estou louca para ler esse livro. Achei a capa linda, a sinopse bem interessante e esse lance de realidade paralela me deixou bastante curiosa.

    ResponderExcluir
  5. Oi, Aline!
    Eu quero muito ler esse livro por conta dessa narrativa intercalada e essas coisas de "pulos no tempo", sabe? Li um livro desse tipo e o final me deixou boquiaberta. Aliás, tô pensando se o desfecho não é o mesmo que o do livro que li (Replay - Marc Levy). Acho que a prepotência do Matt não me irritaria tanto, aliás irritaria, mas gosto disso! haha assim como gosto de me apegar a personagens, gosto de odiá-los.
    Pena que não tenha superado suas expectativas, mas essa parte reflexiva parece ser bem importante

    Beijos,
    Duas Leitoras

    ResponderExcluir
  6. Oi Aline!!
    Também fiquei bem curioso quando vi a capa e a sinopse e já fiquei com vontade de ler por ser drama, que tem um bom tempo que nao leio.
    Uma pena que a personagem nao seja tão ctivante, pois tenho serios problemas com livros que tinham tudo pra me agradar mas não foram taõ bons por causa da personagem principal.
    Mesmo assim quero dar uma chance pra este e ver o que acho.
    Parece ser uma trama bem delicada.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  7. Oi, passei pra conhecer seu blog, achei muito lindo e caprichado, parabéns!
    Te convido a conhecer meu blog também e peço por favor que me siga lá em "Participar deste site"
    Se quiser que eu te siga também é só deixar um recadinho, tá.
    Bjs
    http://thelmasallesartesanatos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Oi Aline
    Vi outras e nem todo mundo gostou, mas não tinha visto ninguém falar que chorou ainda. Isso mostra o quanto a reação de cada pessoa é diferente.
    Fiquei curiosa para ler este livro quando lançou, mas agora não tanto. A capa realmente é linda. Eu gosto de dramas, e quem sabe eu acabe gostando mais. Ótima resenha!

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Aline é tão bom quando a narrativa e a escrita se fecham tornando a leitura muito mais agradável, até os livros previsíveis conseguem se sair muito bem quando tudo fecha direitinho. Fiquei bem interessada no livro, adoro livros assim e pretendo ler assim que possível!

    Beijos,
    Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
  10. Adorei a resenha!
    Bom eu já li uma curva no tempo, e confesso também me decepcionei um pouco com a Rachel, também por ela não ter aproveitado a outra vida e a nova chance, e também não me emocionei com o livro.E o final então, me decepcionei, por que não esperava aquilo como final do livro, a capa é encantadora, mas o livro deixa muito a desejar.

    ResponderExcluir
  11. Hello!
    Nossa me surpreendeu sua resenha... Achei q era mega ultra bom o livro.
    Quero ele mto, ja tinha lido a sinopse e gostado mto... Capa linda e estória diferente.
    Uma pena que nao se identificoi com a protagonista... Tem vezes q isso acontece e acaba mesmo aquela empolgação.
    Mas o final é tão ruim assim? Socorro! Minhas expectativas estavam la em cima... Hahaha.. Agora deu uma baixada...
    Ai.. Preciso ler logo pra saber se vou amar ou não...
    Bjus

    ResponderExcluir
  12. Bom Dia Aline!!

    Eu gostei muito do livro, fiquei meia sem entender o que estava acontecendo por um bom tempo, não curti muito isso não. No geral eu gostei do livro, mas acho que poderia ser melhor desenvolvido, eu tb não fui com muita sede ao pote hehe
    Pena que não curtiu muito..

    Beijos Mila
    Daily of Books

    ResponderExcluir
  13. Oi Aline,

    Eu não conhecia o livro, me interessei pela história e acho que vou pesquisar mais sobre ele pra poder adquirir, é uma pena que você não tenha se empolgado com a história, mas realmente pode acontecer quanto criamos altas expectativas, quem sabe se você não tentar ler o livro em outro momento do futuro sua perspectiva não se modifique e você acabe gostando um pouco mais, já aconteceu comigo.

    :)

    ResponderExcluir
  14. Oi, Aline.
    Opa, obrigada pela dica. Eu li algumas resenhas boas sobre o livro e fiquei apaixonada pela capa, por isso estava cheia de expectativa. Ainda pretendo ler, mas agora irei com mais calma, para não sofrer tanto, rs. Eu gostei do enredo criado, pena que a autora não soube aproveitar alguns pontos fortes. Deixar a personagem num luto sem fim, por exemplo, não me pareceu muito bom. E confesso que fiquei bem preocupada com o desfecho. Enfim... Ótima resenha!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  15. Fiquei tão feliz de ver essa resenha, pq acabei de adquirir essa obra, valeu muito a dica, beijão

    http://www.angelimcosmeticos.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Ai senhor! Que indecisãaao! Eu me senti muito cativada pela história eu quero saber o que aconteceu e qual é o final que você odiou.
    Compro ou não compro? Acho que irei comprar quando sobrar um dinheirinho.
    Uma pena o livro não ter sido tão bom, mas realmente me interessou, e olha que eu não curto muito esses gêneros.
    Beijos.

    www.cantinhogeek.com

    ResponderExcluir
  17. é uma pena que voce não conseguiu se emocionar ele parece ser um bom livro, mas que infelizmente não é para mim, então essa irei passar, mesmo assim obrigado pela dica

    ResponderExcluir
  18. Aline!
    Um enredo que fala sobre a curva no tempo é do meu interesse, gosto do tema e gostaria de descobrir como surgiu no enredo do livro será fascinante.
    Rudynalva Correia Soares
    rudynalva@yahoo.com.br
    Participo e mais tarde sairá divulgação no blog.
    “A sabedoria começa na reflexão.”(Sócrates)
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participe no nosso Top Comentarista!

    ResponderExcluir
  19. Achei bem interessante a premissa do livro, mas os personagens serem meio meeeh é muito chato em um livro para mim, por mais que no caso seja pequeno. É uma pena o segredo dessa vida paralela se revelar tão cedo.

    ResponderExcluir
  20. Poxa, fiquei desanimada, estava na minha lista de desejos.

    ResponderExcluir
  21. Acho que esse livro é um daqueles que fica no "quase". Tinha tudo para ser bom, mas não é. E como a premissa é interessante, vamos esperando algo ótimo, mas aí ficamos decepcionados. Uma pena que não tenha sido tão bem desenvolvido. Esse eu vou deixar passar.

    ResponderExcluir
  22. Olá Aline querida

    que pena que 'Uma Curva No Tempo" não atingiu as expectativas que você tinha criado. É uma pena quando isso acontece. Eu não sabia sobre o que se tratava a história, a realidade é que me interessei pela capa e ele parece ser um drama bem comovente. Devo admitir que perdi um pouco da vontade de ler pelo motivo da personagem não ser cativante, o que é uma pena, Jimmy fez muito por ela e ela não está honrando isso. Fico imaginando se ela se mata pra ficar com o amigo no final kkkkk

    Enfim, ótima resenha, mas não me empolgou.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  23. Oi Aline, tudo bem?

    Fiquei com medo agora, pois eu também tenho a maior expectativa com esse livro e espero não me decepcionar. Eu estou esperando ele chegar e até isso acontecer eu vou tentar diminuir a esperança que eu tenho que ele seja maravilhoso.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. Quero esse livro hoje e agora pra mim kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Amo esse tipo de historia, mas mesmo ser ter lido entendo o fato de pessoas que não conseguem se reerguerem apos uma grande perda mesmo que se for para me dar à vida
    E a idéia de poder saber (ou imaginar) o que teria acontecido se o acidente não tivesse ocorrido passa pela nossa cabeça a todo tempo pra tudo o que vivemos
    PS amei a capa também

    ResponderExcluir
  25. Nossa, eu nunca iria imaginar que um livro com esta capa fofinha tratasse de algo desse peso. Eu fiquei curiosa a respeito da história e adoraria lê-la.
    Abraços!

    ResponderExcluir
  26. Eu adorei o livro. Não esperava muito dele para falar a verdade, mas me surpreendi totalmente ao decorrer da leitura, esperava que fosse algo mais simples e doce porém logo no primeiro capítulo me senti ligada a história.

    Meu Céu Literário

    ResponderExcluir
  27. Oi, Aline!
    Tô bem curiosa com esse livro, achei interessante ele tratar de uma realidade paralela na história, e como gosto de leituras reflexivas lógico que não ia deixar passar essa.
    Um bjo <3

    ResponderExcluir
  28. Desde que vi esse lançamento desejo ele, a sinopse me intrigou e eu amei essa capa, mas é uma pena que suas expectativas não tenham sido atendidas. Espero não me decepcionar em certos pontos como você, por isso tentarei manter minha expectativa baixa.
    Acredito que Rachel não chegará a me irritar muito, independente de seus erros, agora Matt desconfio que será o típico personagem que adoraria socar a cara. De certo modo, não gostei nada de saber que ela é um dos secundários que mais aparece. As vezes me questiono o que as personagens de livros acabam vendo em caras assim, sério mesmo.
    O livro ainda está na minha meta de leitura, mas considerarei sua resenha como um aviso para não ir com tanta fome ao pote, nem sempre o conteúdo é o que esperamos.
    Bjs

    ResponderExcluir
  29. Oi Aline.
    Também tive amigos chorando horrores por esse livro e isso tinha me motivado a lê-lo afinal, um livro capaz de mexer assim com as pessoas deve ser bom né? Mas lendo sua resenha agora pude ver um outro lado da história e isso foi ótimo porque é sempre bom ter duas opiniões diferentes de um livroo. Ainda quero ler mas já com a consciência que pode não funcionar para mim também.

    beijos
    Pobre Leitora

    ResponderExcluir
  30. Não foi um livro que me chamou a atenção desde o começo e, mesmo depois dessa resenha, continuei sem me interessar. A reflexão da velha pergunta "E se?" sempre dá muito pano pra manga, mas, pelo que deu a entender, a autora poderia ter aproveitado mais da premissa que tinha em mãos.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  31. Esse livro já tinha me chamado atenção pela capa. É linda, simples e adorável. Amei. A sinopse também fez brotar em mim um monte de expectativas. É uma pena que não tenha gostado :/

    ResponderExcluir
  32. Olá Aline,


    Uau! Essa capa "fofinha" esconde todo o drama e emoção que estão na história deste livro, né? Uma pena você ter se decepcionado... Espero que eu goste, rs
    A capa não me chamou a atenção mas, a sinopse sim! E o fato da Rachel morar em Londres já ganha muitos pontos comigo também, haha

    Beijo.

    ResponderExcluir
  33. Realmente achei uma pena o livro não ter correspondido às suas expectativas. Acho a capa dele linda, extremamente detalhada, e a sinopse parece englobar uma história envolvente e comovente, cheia de drama e emoção. Os personagens do livro me parecem bem marcantes e fortes, e acredito que eu ia gostar bastante da leitura.

    ResponderExcluir
  34. Li sem expectativas nenhuma, e me emocionei muito com o livro. No fundo eu suspeitava que aquilo ia acontecer e chorei muito pelo pai da Rachel. No fundo, eu amei a história e quero mais da autora!
    Beijos!
    Adorei o seu blog!
    Angelica
    www.angelicabrunatto.com.br

    ResponderExcluir