Resenha - As Coisas que Fazemos por Amor



>

As coisas que fazemos por amor
Autora: Kristin Hannah
Editora: Arqueiro
Gênero: Literatura Estrangeira / Drama
Páginas: 352
Sinopse: Skoob

Avaliação:
 

Olá, tudo bem com você? 

Claro que não podia deixar de vir aqui registrar mais um livro da minha autora preferida Kristin Hannah, eu amo essa autora e cada livro que é lançado aqui no Brasil eu fico muito ansiosa para ler. 

Confesso logo de cara que esse livro foi o mais rápido de ler dela, a linguagem está muito mais dinâmica e a história me pegou logo de cara. Os livros dela costumam ser muito emocionantes e com esse não foi diferente. 

Angela mais conhecida como Angie é casada com Conlan já tem um certo tempo, e Angie sempre sonhou em ser mãe, tem muito amor para dar, porém esse sonho nunca se concretizou, ela já fez inúmeros tratamentos para engravidar, mas acabou perdendo, já tentou adotar mas a criança faleceu logo quando nasceu e assim ela vai tentando seguir sua vida, se recompondo a cada tombo que a vida lhe dá.

Além disso ela resolve se separar de Conlan para deixar que ele viva sua vida melhor, pois ela acabou se distanciando dele para poder realizar um sonho dela que infelizmente nunca deu certo.

De volta para West End na casa de seu pai que já faleceu ela resolve fazer uma mudança em sua mais nova casa que fica de frente para o mar e só guarda boas lembranças, Angie também decide se aventurar em uma nova profissão e decide ajudar o restaurante de sua mãe a voltar a ser como era antes, promovendo mudanças e promoções.

A família de Angie é italiana então a família é  grande, unida e sempre teve muito amor e união entre todos eles. 

Do outro lado temos Lauren uma jovem terminando o ensino médio, muito esforçada estuda em colégio particular com bolsa integral, tenta trabalhar eventualmente para conseguir uns trocados, mas mora praticamente em  um cortiço, sua mãe é alcoólatra, fuma muito  e leva diversos homens diferente para dentro de casa e nunca foi uma mãe presente e nunca tratou Lauren com amor carinho e respeito. 

Lauren sente falta desse amor de mãe o tempo inteiro e acaba sofrendo calada com isso, a mãe dela já não paga o aluguel de casa temmuito tempo, mal tem o que comer na casa delas, o que consola um pouco a vida de Lauren é seu namorado David que além de ser bonito é muito rico e que ama ela de verdade.

O destino acaba ajudando essas duas mulheres a se encontrarem de maneira inusitada e um amor começa a crescer dessa relação, Angie tenta ajudar Lauren de todas as formas, dando um emprego no restaurante de sua mãe, dando roupas de frio, levando até mesmo para passear, porém um acontecimento completamente inesperado acontece na vida de Lauren e sua mãe resolve a abandona-la de vez, ela simplesmente sai de casa e pede que que sua filha se vire.

Sem ver nenhuma outra alternativa Angie a chama para morar com ela e enfrentarem esse problema juntas, o livro me deixou em muitos momentos angustiada, Lauren é adolescente e toma decisões muito precipitadas e muitas vezes não fala o que pensa, e isso me deixou irritada em alguns momentos. 

Mas gosto de livros assim que me faz pensar nas relações familiares, e também a respeitar o desejo de cada um.

O final apesar de ter reviravoltas me agradou porque foi do jeitinho que imaginei que seria, só posso dizer obrigada a Kristin Hannah por continuar me emocionando com suas lindas histórias de amor. 

Algumas coisas na vida, porém, não se podiam procurar. Só se podia esperar por elas. Como o clima. Às vezes você olha para o horizonte e vê um bando de nuvens de tempestade. Mas isso não garante que vá chover no dia seguinte. O dia pode também ser claro e ensolarado.
Não havia como saber.
A única coisa a fazer era seguir em frente e tocar a própria vida.


Beijos 

Até mais!


Nenhum comentário :

Postar um comentário