Resenha: Deuses Renascidos

Deuses Renascidos

Série: Themis Files 2
Autor: Sylvain Neuvel
Editora: Seguinte
Gênero: Fantasia / Ficção / Ficção científica / Literatura Estrangeira
Páginas: 392
Sinopse: Skoob
Avaliação:


Pode conter Spoilers


Esta é a continuação Themis Files, segundo volume de Gigantes Renascidos resenhado aqui no blog.
 
Nesta nova aventura temos uma sequência do primeiro exemplar nove anos após o primeiro episódio, porém com gravações e reportagens com arquivos trazendo uma coisa mais realista à saga robôs e situações críveis. Temos Têmis, Vincent e Kara que são como celebridades. Têmis passou a ser algo a ser usado de acordo com interesses nacionais, é uma arma de alto nível e se bem usada pode trazer imensos benefícios. O grande receio de todos é que um dia algo mais macabro, forte e incontrolável possa surgir na terra ameaçando tudo e todos.

Com isso quando um robô imenso aparece e ameaça tudo os humanos logo pensam na melhor maneira de se defender. Porém a coisa fica bem pior, pois a ameaça se torna mais sinistra, pois ao invés de um, vários robôs aparecem ameaçando as grandes potências.São treze robôs sinistros com ataques devastadores para a humanidade, porém alguns são imunes a esses ataques e parte das coisas descobertas aqui são interessantes para o grupo humano. Existe um personagem marcante que é um imenso mistério e que está relacionado a tudo, é como uma espécie de "sábio" que tem um conhecimento amplo sobre terra e alienígenas e algo que mais chama a atenção é que os criadores de Têmis se mantém meio que a parte dessa situação. Deixa de "se meter" de certa forma falando ou não, passando ou não seu conhecimento para os que precisam.

Aí temos o Centro de Defesa tentando usar o robô que conhecemos no livro anterior contra as ameaça que surgiu, talvez de maneira tranquila, mas a coisa não sai como deveria.

A certeza que se tem com essa leitura é o quanto os humanos são irrelevantes perto das ameaças que surgem. Porém, mesmo assim os humanos vão tomando força e tentando tomar uma posição. Tudo nesse livro tem referência e relevância com o primeiro volume.

Essa continuação é fluída e contém bastante adrenalina, porém ainda assim, curti mais o primeiro volume que esse, apesar de perceber que nesse volume tudo que estava ameaçando ocorrer de certa forma torna-se real!

Ainda assim foi um bom livro.



Nenhum comentário :

Postar um comentário