Resenha - Interferências

Interferências
Editora: Suma de Letras
Gênero: Fantasia / Ficção científica / Humor, Comédia / Literatura Estrangeira / Romance
Página: 464
 Sinopse: Skoob

Avaliação: 

Olá leitores lindos, tudo bem?
Hoje venho falar sobre o livro Interferências da autora Connie Willians. Esse não foi meu primeiro contato com a escrita da autora.. Já li dois livros dela; O Livro do Juízo Final resenhado por mim aqui no blog - CLIQUE AQUI PARA LER A RESENHA! e o outro foi um que ela escreveu em parceria com outros autores de renome, publicado por um selo de editora já extinto. Concluindo, eu curto muito sua escrita e claro que me senti imediatamente seduzida por Interferências.



Bom.. Interferências foi um livro diferente; eu realmente não esperava algo nessa pegada exatamente. Nele temos um tema mega atual que são as formas de se comunicar e isso vem se tornando cada vez mais importante nesse mundo globalizado.. "Tempo é dinheiro" e se comunicar de maneira rápida e eficiente sinaliza justamente essa citação. Com isso vamos conhecer Briddey, a empresa em que trabalha e seus funcionários, seu namorado Trent e sua família insana e invasiva. Na verdade, desde os funcionários da empresa à sua família; são todos completamente intrometidos e participantes ativos da vida de Briddey até quando não são convidados.. rsrs
Para ficar ainda mais "interessante" Briddey trabalha em uma empresa de eletrônicos que visa desenvolver um aplicativo e celular que barrem o novo lançamento da Apple. No meio disso, temos o romance, é claro.. Briddey está envolvida com Trent, também funcionário na Commspsan e juntos estão planejando fazer um EED, mas o que é isso? Eu fiquei me fazendo essa pergunta durante um tempo, até que tudo foi esclarecido.. Se trata de um procedimento cirúrgico muito seguro, segundo estatísticas, que promete ampliar a empatia do casal, fazendo com que ambos possam perceber de maneira mais simples os sentimentos um do outro, sem que seja necessário muito esforço para se fazer acreditar. Não! Não é telepatia, nem nada assim! Pelo menos não é o intuito da coisa. 
No livro são feitos menções à diversos casais famosos reais que passaram pelo procedimento; o que a meu ver até da uma margem para imaginarmos algo assim 'no mundo real'. Continuando.. Bridday não sabe como contar isso para sua família, já que os conhecendo bem, serão contra tal procedimento.. E pretende manter sua vida privada.. Mas isso é impossível em se tratando dos funcionário da Commspsam, tão logo ela chega e tentando se esconder é enquadrada por uma das funcionárias dizendo que ela foi vista em um restaurante chic com Trent e isso só poderia significar um pedido de casamento.. Trent é o carinha mais interessante da empresa e muitas mulheres queriam estar no lugar de Briddey.. Então receber um convite para realizar um EED tem que ser visto como um privilégio, segundo muitas.. 

Por conta das inúmeras interferências da família e também dos colegas de trabalho, surge uma desistência para a cirurgia com o medico renomado e eles decidem levar adiante o procedimento, só que em segredo.. Mas algo dá errado.. Dá muito errado. Briddey  faz o procedimento primeiro, pois Trent ainda estava a caminho do hospital e quando desperta da cirurgia ela não só não conseguiu se ligar emocionalmente ao seu namorado Trent, como parece que se tornou telepata se conectando a um colega do trabalho e ouvindo os pensamentos dele, mesmo que estejam a distância. Claro que isso causa um certo pânico.. Mas "sua outra metade" C.B o cara mais esquisito da empresa que trabalha no desenvolvimento eletrônico promete achar uma solução junto com ela para essa situação toda. Ah! Deixando claro, que eles não tem intimidades, eram colegas de trabalho e apenas se relacionavam no ambiente de trabalho.. Mas ele foi um dos intrometidos e poucos que foi contra ela realizar esse procedimento, falando diversas coisas que poderiam dar errado.. Inclusive algo bem parecido com o que acabou de ocorrer após a cirurgia de Briddey ser realizada.

Eles vão manter essa ligação em segredo, afinal é bem peculiar Briddey estar ligada justamente ao C. B.; isso sugere algum tipo de emoção entre ambos e claro que Briddey não quer perder o namorado gato e muito menos dar a entender para alguém que ela é afim de C.B.

Então galerinha preparem-se para uma confusão daquelas, onde temos muitos personagens engraçados, muito bem descritos, com personalidades ímpar e uma confusão tremenda!

Eu dei muitas risadas com a família de Briddey; cada um mais louco que outro! E a irmã que inventa mil teorias sobre o estado da filha e situações absurdas sobre drogas, obsessão e outros? 
Fora os funcionários da empresa que não perdem nenhuma oportunidade de dar palpita em tudo e até criar situações com base no achismo! 

A história flui em uma cadência rápida e o livro superou as minhas expectativas!
Adorei!
Espero que leiam e curtam tanto quanto eu!

Beijos.


25 comentários :

  1. Olá
    Vi uma resenha desse livro em um canal e ele falou que na capa diz ser ficção científica mas que não tem nada disso na história, então acabei por não simpatizar com a leitura. Pois escrever na capa uma coisa para vender a um determinado publico e não ter aquilo não rola.
    Mas que bom que você gostou da leitura.
    Gostei do seu post, mas por hora passo a dica.
    Bjus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem ficção científica.. Afinal o assunto gira em torno do EED um procedimento cirúrgico que promete desenvolver uma ligação entre os casais os deixando mais abertos uns aos outros..

      Excluir
  2. Oi Karini, eu li muitas resenhas sobre O livro do Juizo final e por isso achava que esse teria uma proposta semelhante, mas fico feliz por ser diferente. Gostei do enredo e do fato de ter personagens engraçados, particularmente prefiro leituras que me proporcionem boas risadas! rs

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É diferente sim. Achei isso legal, pois vemos a capacidade do autor em inovar na escrita..
      Beijos.

      Excluir
  3. Já tinha visto o livro, mas não conhecia sua premissa e fiquei bem curiosa com esse EED e esse privilegio em poder fazer tal procedimento. Imagino a confusão que vira, realmente deve ser algo até engraçado de se acompanhar, mas creio que no fundo tenha uma mensagem , então quero ler. Dica anotada.

    Abraços.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sabe que um tempo fiquei:"mas gente, como assim?!" Sobre o EED.. No fim achei a legada diferente e super original.
      A escrita flui fácil.. E o livro chega a ser bem divertido.

      Beijos.

      Excluir
  4. Olá,

    Eu estou esperando meu exemplar chegar para começar a ler essa obra.
    Eu me encantei pela capa *_*
    Ele me lembra um pouco o livro Ligações que também fala sobre essa temática e até o filme O Círculo com a Emma Watson - se prepara que o filme é parado demais - que abordam essa ideia de limites e até onde a privacidade deve ser mantida.

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hum! Vou dar uma pesquisada no filme. Não lembro se assisti. Eu li ligações e apesar de ter sim um assunto em comum, são bem diferentes.

      Beijos.

      Excluir
  5. Eu gostei da sua resenha e foi a primeira que eu li até o momento.
    Mas não consegui identificar a pegada de scifi na história e fiquei confusa. Estou vendo que vou ter ler hahahaha.. Fiquei curiosa pelo desfecho..

    Beijos
    Sai da Minha Lente

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa pegada fica por conta principalmente do EED, afinal um procedimento cirúrgico capaz de ligar os casais de maneira a ambos ficarem perceptíveis quanto aos sentimentos um do outro.. Sem que um tenha que se esforçar ou acreditar as cegas sabe?! Com o procedimento é como ter uma janela aberta para os sentimentos do outro.. Mas... A coisa não sai como esperada.
      Beijos.

      Excluir
  6. Oiê, esse livro deve ser ilario, procesimentsp cirurgicos, várias pessoas se metendo na vida da personagem meu Deus! Fiquei até curiosa. Deve ter muitas situações loucas, preciso ler algo assim!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim. Tem muitas cenas engraçadas e bizarras.. Mas engraçado que facilmente confundida com a vida real, onde temos pessoas intromeditas assim também.
      Rsrs.

      Beijos

      Excluir
  7. Olá, tudo bem?

    Eu gostei da sua resenha, essa capa é bem bonita, achei bem feitinha. Eu recebi esse livro da Cia pelo time de leitores e pretendo começar a leitura em breve!
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tb amei a capa.. E me surpreendi muito com a história. Espero que você curta.
      Beijos.

      Excluir
  8. Eu li esse livro recentemente e gostei bastante da leitura também, fiquei um pouco confusa em alguns momentos, mas nada que atrapalhasse a leitura. Achei bem legal ver a sua opinião sobre o livro!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No começo eu me senti louca para entender de fato o EED, pois não nos mostra de fato o que é isso de cara.. Só mais tarde. E principalmente curiosa demais, quando a coisa da errado e entra o C.B. Na história.

      Beijos.

      Excluir
  9. Oi Karine,
    Fiquei imaginando a situação de estar na cabeça de outra pessoa sem desejar isso. A situação toda é muito divertida. Claro que C.B. deve gostar dela e ela vai perceber, criando um triangulo amoroso. Estou cansado de histórias com triângulos amorosos, mas fiquei curioso com esse lance de EED.
    Com amor, André
    Garotos Perdidos

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Essa leitura deve ser interessante, não conheço muito bem as siglas, mas deve ser bem esclarecedor. Gosto de histórias que trazem personagens diferentes e ainda mostram um pouco do ambiente familiar.
    Acho que vou procurar pra conhecer mais desse lançamento.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  11. Apesar do tema atual do enredo, eu não conhecia o livro e em relação a autora, não li nada dela também. Parace bom e vou deixar anotado.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  12. Oi Ka!

    Tudo bem? Eu tenho bastante curiosidade a respeito desse livro porque vi algumas pessoas falando muito bem e outras dizendo que ele não é isso tudo não, então pretendo ler e tirar minhas próprias conclusões!

    O livro tem um tema bastante atual, o que chama ainda mais a minha atenção e essa pitada de ficção científica realmente deve deixar a história mais rica.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  13. Eu acho essa capa tão linda! Sem contar que de fato o contexto da obra é super instigante e nos faz repensar em várias coisas. Vi alguns comentários que em alguns momentos a leitura é um pouquinho arrastada mas em suma a leitura é muito válida ne? Já anotei a dica e adicionei o livro em minha lista de desejados.

    ResponderExcluir
  14. Olá!

    Não conhecia a autora, nem o livro, mas pela sua resenha parece que tem uma pegada meio Sophie Kinsella por ser mais engraçado e tal e isso me agradou muito. Vou procurar por ele e assim que puder realizo a leitura. Obrigada pela dica.

    Beijos

    ResponderExcluir
  15. Olá! É a primeira vez que leio uma resenha desse livro, e fiquei surpresa, até porque se trata de um livro de fantasia, que fala sobre tecnologia, de uma forma muito atual. Hoje todo mundo está tão conectado o tempo inteiro que parece não sobrar tempo para as conexões de verdade. Gostei de C.B. também, afinal sou apaixonada por nerds, sou casada com um! Gostei muito da premissa, ainda que a protagonista pareça um pouco sonsa, espero que ela mude com o decorrer da história.


    Bjoxx ~ www.stalker-literaria.com

    ResponderExcluir
  16. Oi, tudo bom?
    Eu já i algumas resenhas desse livro por aí e achei a premissa dele genial. Mal posso esperar para ter a chance de lê-lo (minha lista infinita de próximas leituras não acaba nunca). Eu não sabia que o gênero dele era fantasia, achei que fosse um romance com uma pegada meio de ficção, e isso me animou mais ainda para ler esse livro porque estou numa ibe de fantasia atualmente. Já anotei a dica aqui!

    Beijos!
    https://www.manuscritoliterario.com.br

    ResponderExcluir
  17. Oi Karini! Tudo bem?
    Acho a premissa desse livro original por um lado, porque nunca tinha visto nada parecido, e por outro chocante porque eu não teria a mínima coragem para realizar um procedimento desses, ainda mais quando tem tanta gente pentelha na volta, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.
    Abraços e beijos da Lady Trotsky...
    http://www.galaxiadeideias.com/
    http://osvampirosportenhos.blogspot.com

    ResponderExcluir