Resenha - A Nuvem

A Nuvem
 
Série: Scythe # 2
Editora: Seguinte
Gênero: Distopia / Fantasia / Ficção científica / Jovem adulto / Literatura Estrangeira
Página: 496
 Sinopse: Skoob

Avaliação:






                                                 Contém spoilers do primeiro volume!


Olá! Eu estou simplesmente perplexa com a escrita desse autor. A criatividade, ambientação .. Que livrão da porra! Não foi meu primeiro contato com o autor, essa série, mas foi uma das melhores! Ele simplesmente é daqueles autores que só melhora a cada nova publicação!
Estou ainda mais chocada como essa série não está "na boca" do povo e todos alucinados querendo ler e comentando! A história é diferente de tudo que já li, a escrita é fantástica e frenética; aí termino o livro como? Desesperada por mais! Simples assim!

A Nuvem é o segundo volume da série Scythe e conseguiu não apenas manter o ritmo do primeiro volume, mas ser ainda melhor que seu antecessor!
Para quem não leu o primeiro volume ou a resenha do mesmo, poderá ler CLICANDO AQUI!

Recapitulando a história, após o final do primeiro volume, em que temos Rowan e Citra lutando e por fim ele fugindo.. Isso me deixou louquinha de curiosidade! Afinal, apesar de saber que não é permitido, eu torcia pelos dois como casal e ainda mais, que os dois conseguisse o anel, apesar de ter sido avisado que apenas um o teria. 

Sabemos que nesse mundo criado por Neal Shusterman as pessoas não morrem mais. Não como antes! A ciência venceu de todas as formas as limitações mais inesperadas, incluindo a própria morte. Com isso temos um "mundo perfeito" baseado em estatísticas e completamente funcional. Porém, para que houvesse equilíbrio e para que as coisas sejam sempre justas, existe a "Nimbo-Cúmulo" como uma espécie de inteligência artificial e até sobrenatural que governa a população. Com ela não há mais doenças, escassez de comida, pobreza, dor e nada do tipo. A Nimbo controla tudo, menos a morte. Pois para isso foram designados os Ceifadores, que são responsáveis por levar algumas vidas anualmente mantendo o equilíbrio. Mas quem deve viver e quem deve morrer? Cada Ceifador usa seus próprios critérios, mas uma coisa essencial para ser um bom Ceifador, é não querer ser um. Isso mesmo! Afinal, não se deve sentir prazer em ceifar vidas; precisa haver compaixão, coerência nas escolhas e outras coisinhas mais. Mas o que vemos no decorrer da história é que um sistema que deveria ser "perfeito" e "justo" está absolutamente corrompido e as coisas não são como deveria de forma alguma!

Citra agora é uma verdadeira ceifadora com direito a manto turquesa e tudo. Ganhou seu anel e passou a ser conhecida como Anastácia e como esperado, para aqueles que leram o primeiro volume e conheceram sua personalidade; ela já chega causando. Logo é notada por todos através de sua personalidade e a forma como conduz seu "trabalho"; dando a oportunidade dos seus "escolhidos" de coleta aproveitarem por um mês o que lhes resta de vida; além de deixar que os coletados escolham a forma de coleta e assim ela se torna odiada por uns e admirada por outros; causando inveja, concordância e pondo-a em perigo até. 

Enquanto isso, Rowan tomou para si a tarefa de acabar com os ceifadores corruptos, tirando eles de circulação. Com isso ele não tem uma vida nem de longe comum.. Vivendo na surdina e praticando a justiça que lhe convém correta, já que ninguém o faz. Ele ganhou um anel e se tornou um ceifador? Quem sabe exatamente? O que se sabe é que ele se tornou Lúcifer, não tem exatamente um anel seu. Lúcifer é temido por coletar de maneira definitiva ceifadores corruptos, queimando seus corpos. Uma espécie de missão solo e que parece absolutamente digna.. Mas terá mesmo dignidade e será mesmo que Rowan está agindo corretamente?!

O fato de Citra ser uma Ceifadora não a isenta de perigos, já que ela segue preceitos que desagrada a muitos. Como sabemos a Nimbo não interfere em nada relacionado a ceifa e nem o contrário, afinal como eu disse acima, foi a maneira "justa" de encontrar equilíbrio! Mas ainda assim, a Nimbo tenta por outros meios interferir em situações que põe Citra em perigo, e essa interferência se chama Greyson, um ser humano criado pela própria Nimbo que em breve será um agente Nimbo. Guardem esse nome, pois ele promete remexer em muita sujeira e aprontar algumas coisas inesperadas pela população envolvida em suas ações.

Nesse volume, temos partes que nos mostra mais intimamente como funciona "a mente" da Nimbo.. No livro anterior, tivemos várias partes dos diários de ceifadores que nos deu uma completa noção de como é o mundo da ceifa e como alguns ceifadores conduziam sua jornada. O final de A Nuvem conseguiu me surpreender ainda mais que o final do primeiro volume! Good! Quero mais logo! A escrita frenética e os diversos acontecimentos me deixaram com os nervos em frangalhos.. E mais uma vez me fez aplaudir de pé esse autor incrível! Além dos personagens, já velhos conhecidos, temos Greyson, que é um show a parte!

Eu preciso dizer que eu amooooo Rowan, tenho fascinação pelo Ceifador Faraday e que Citra e Greyson são incríveis de várias formas! 

Se essa resenha tivesse som, vocês ouviriam muitos gritos meus! Pois eu dei vários gritinhos ao ler o livro e mais ainda me expressando durante essa resenha, que nem de perto faz jus ao conteúdo perfeitooooooo que tem esse livro!

 




20 comentários :

  1. Escutei só maravilhas do primeiro livro e agora sei que será uma leva de ótimos comentários deste segundo volume, mas ainda continuo na vibe de que não é minha pegada, apesar da história me parece bem instigante não me vejo lendo, mas mesmo assim, muito obrigada pela dica. Está ótima sua resenha.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A leitura é frenética. Tanto no promeiro, quanto nesse segundo.
      Mas realmente é um livro para quem curte o gênero e estilo literário.

      Excluir
  2. Oi Karini, tudo bem?
    UAU que resenha maravilhosa. Eu ainda não li o primeiro, mas está na minha meta de leitura para esse ano. Eu conheci a escrita do autor através de outro livro que foi lançado recentemente pela Valentina e AMEI.

    Estou super empolgada e espero curtir a leitura tbm *_*
    Sai da Minha Lente

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A escrita do autor é incrível. Prende e é frenética. Além de ter frases reflexivas interessantes. Espero que em breve consiga ler.

      Excluir
  3. Olá, tudo bem? Menina, esse livro parece ser incrível! Ainda não tive a oportunidade de ler o primeiro, porém estou morrendo de curiosidade. Adorei tua resenha!

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
  4. Olá! Eu realmente nunca tinha ouvido falar sobre esse livro, mas fico muito feliz de ter sido apresentada a ele agora. Adoro esse tipo de leitura e espero poder ter a chance de conhecer em breve, algo me diz que vou gostar!

    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também amo esse tipo de leitura.
      Eu não sei como essa série não está na boca do povo.. Pois é excelente.

      Excluir
  5. E eu aqui querendo ler o primeiro livro rsrs, então saber que esse livro conseguiu ser ainda melhor que o primeiro me anima muito me fazendo reforçar a vontade de ler o primeiro o quanto antes. Quero ler e assim como você aplaudir de pé o autor que eu ainda não conheço a escrita.

    Abraços.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim. É ainda melhor. Leia o quanto antes.
      É aquele tipo de livro que nos perguntamos.. Pq não lemos antes sabe?!

      Excluir
  6. Eu li apenas um livro desse autor e gostei muito da escrita dele. Agora que ler esses dois porque sei que vou gostar. Eu não conhecia muito sobre esse segundo volume e adorei poder conferir a sua resenha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que vai amar Bea. A escrita do autor é excelente mesmo.
      Espero que leia em breve.
      Beijos.

      Excluir
  7. Pois é, eu não conhecia a série e você me conquistou com seu entusiasmo ao falar dela. E fiquei feliz que o autor não perdeu a mão e continuou com o mesmo ritmo do primeiro livro. E, sim quero ler logo, quase ouvi os seus gritos, hahahaha.

    Bjo
    Tânia Bueno

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que Leia Tania. Juro que vale a pena. Quem curte esse tipo de gênero, com certeza vai amar essa leitura.
      Que bom que eu te inspirei.

      Beijos.

      Excluir
  8. Oi Karini!
    O fato de saber que gostou tanto e a forma que resenhou, me deixou empolgada em realizar a leitura rsrs... É muito bom quando encontramos um autor que nos surpreende dessa forma.
    Não conhecia o autor e nem os livros, mas já anotei a dica, espero conseguir ler em breve.
    Beijo

    ResponderExcluir
  9. Olá, tudo bem? Confesso que li a resenha meio por cima pois ainda quero iniciar a série. Só vejo comentários positivos sobre, e que todos elogiam bastante. Ansiosa para conhecer a escrita do autor e amar assim como todos <3
    Beijos,
    http://diariasleituras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Resenha pode não ter som, mas deu para sentir sua empolgação com o livro! Que delícia quando isso acontece!
    Bjs Rose

    ResponderExcluir
  11. Não conhecia esse livro e nem o primeiro, fiquei curiosa pra ler os 2 volumes =D.
    Adorei sua resenha =*

    ResponderExcluir
  12. Oi Karini, sua linda, tudo bem?
    Já pensou um mundo onde ninguém morre? Isso pode trazer uma série de complicações, mas quem tem o poder de decidir quem vive e quem morre? O que está por trás dos ceifadores? Sou muito curiosa, por isso estou louca para descobrir esse universo e fico empolgada em saber que o livro dois é melhor do que o primeiro, isso indica que a série promete ainda mais na continuação.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  13. Olá!

    Escutei muita coisa sobre o primeiro livro, achei a história interessante, mas nunca me deu AQUELA vontade de ler. Sabendo que a continuação também é muito boa me deu uma animada para conhecer a fundo a história.

    Beijos

    ResponderExcluir