Resenha: Doutor Sono



Doutor Sono

Autora: Stephen King
Duologia: O Iluminado #2
Editora: Suma de Letras
Gênero: Horror / Suspense e Mistério / Terror
Páginas: 480
Sinopse: Skoob

Avaliação:


Olá!! Mais uma leitura do mestre King que todos sabem que amo e coleciono a essa altura! 

"QUESTÕES PRELIMINARES
MEDO quer dizer: foda-se tudo e corra.
 - Velho ditado do AA"

Doutor Sono, para aqueles que não sabem é a continuação de O Iluminado. Nesse novo volume Danny já é adulto e sofre o mesmo que o seu pai, tornou-se alcoólatra, ele tenta a todo custo ficar sóbrio e tornar-se assim uma pessoa sã.. Porém Danny é assombrado pelas marcas do passado o que dificulta suas decisões e acaba levando ele a cometer erros que o levam rumo ao declínio; fazendo com que nós leitores, fiquemos em uma devastadora onda de sentimentos e nostalgia diante a história anterior e tudo que Danny já viveu. 

Em dado momento, Danny começa a trabalhar em um asilo onde procura ajudar as pessoas que estão prestes a morrer. Essa é a sua forma de usar seu Dom e manter-se sóbrio e até útil. Nesse asilo há um gato um tanto diferente, já que o mesmo parece possuir um "Dom" também, já que se deita no leito daqueles que estão prestes a falecer; além disso, em dado momento, Danny conhece Abra, uma menina que tem o mesmo Dom que ele. 

"Sim. Ele podia ajudar. Era seu sacramento, tinha sido criado para aquilo...
- Basta você dormir.
(não me deixe)
- Não - Disse Dan. - Estou aqui. Vou ficar aqui até que você durma.
Ele pegou a mão de Carling nas suas. E sorriu.
- Até que você durma - disse."
Pág.472

A coisa já é de todo incomum com toda essa onda sobrenatural, e quando surge Rose, fica realmente pavoroso.. Pois ela lidera um grupo que "suga" uma espécie de energia ou vapor vinda de crianças iluminadas assassinadas e Abra é uma das mais poderosas já vistas .. E isso claro, chama atenção da sua tribo esquisita; já que precisam dessa energia para alimentar os seus! (horrendo de se pensar e ainda mais de se ler!).

"Não era bom, mas a recompensa valia a pena: 
a energia e a vida armazenadasem uma lata de aço. 
Em muitos casos havia até um ganho secundário. 
O vapor erahereditário, e muitas vezes todos na família 
tinham pelo menos um pouquinho." 
pág.148

Esse segundo volume é muito bom, mas ainda assim prefiro o primeiro. Porém não pude deixar de me encantar mais uma vez com Danny, sentir tristeza pelo rumo de sua vida e escolhas.. Torcer por ele; e ficar completamente com os olhos fixos a cada página virada.. Esse livro foi mais um lido em uma sentada só, como a maioria dos "Kings" que eu leio! O autor continua sendo um dos meus preferidos, sinceramente, igual a ele não há! Ao  menos eu não conheço!

Nenhum comentário :

Postar um comentário